Página Inicial » Guia para Iniciantes » Quanto tempo demora para observar resultados na musculação?

Quanto tempo demora para observar resultados na musculação?

Os resultados na musculação são o objetivo de qualquer praticante. Porém, é importante entender que o tempo para que tais resultados apareçam, varia de acordo com uma série de fatores.

quanto tempo para ter resultados musculação antes e depois

Quem não conhece uma pessoa que já iniciou um programa de exercícios uma centena de vezes e sempre reclama da falta de resultados? Provavelmente você conhece alguém assim. Porém, é importante entender que o tempo para que os resultados apareçam na musculação, variam muito, de acordo com uma enormidade de fatores.

Para que nós possamos entender melhor tudo isso, é preciso ir ao centro do conceito: o resultado.

Afinal, o que é resultado para você?

Antes de iniciarmos com a apresentação mais científica do tema, é importante discutir este ponto. Por que para algumas pessoas, ganhar 1 ou 2 kg de massa magra já é um resultado estupendo. Para outros, o objetivo é ficar como um atleta de fisiculturismo. Fica nítido que o tempo para atingir a meta em cada um destes casos, muda bastante.

Por isso, para que você entenda completamente o conceito de tempo para verificar os resultados, é importante ter em mente que suas metas podem interferir nesta linha do tempo.

Em alguns casos, o tempo para ver os resultados na musculação, é de 3 a 5 meses. Em outros casos, podem levar anos (para atletas, por exemplo). Por isso, entenda que estaremos lidando neste artigo, com iniciantes, que vão começar agora seu programa de treinamento. Por isso, o tempo baseado nos resultados, é pautado neste grupo.

Atletas tem uma abordagem totalmente diferente.

Vamos agora entender os 3 pontos básicos que vão estar diretamente ligados com o tempo que demora para observar os resultados na musculação!

Resultados na musculação dependem de 3 fatores

O TEXTO CONTINUA APÓS ESSA PUBLICIDADE!

Os resultados na musculação, estarão diretamente relacionados com 3 fatores primordiais: descanso, treino e dieta. Caso um deles não esteja correto ou muito bem alinhado, os resultados podem demorar muito mais, ou pior, nem aparecerem.

Por isso, é preciso entender que de acordo com sua dieta, o treino e o descanso, os resultados irão aparecer.

Quanto melhor e mais específico for seu treino, com as doses certas de intensidade e volume, mais rapidamente os resultados aparecem. Da mesma forma, se sua dieta oferecer todos os nutrientes necessários para que o corpo se recupere dos estímulos, os resultados também serão mais rápidos. E o descanso é responsável por toda a regeneração celular, liberação de hormônios anabólicos e tudo mais que vai potencializar tudo isso.

Portanto, de acordo com a qualidade do treino, dieta e descanso, seus resultados podem ser mais rápidos ou mais demorados.

Para exemplificar. Imagine uma pessoa que treinar 3 vezes por semana, falta em muitos treinos, não segue uma dieta adequada, não dorme direito e treina de qualquer jeito, sem qualquer método. Imagine quanto tempo ela vai demorar para ter resultados? Provavelmente, se não mudar de atitude, nunca o terá!

Agora, uma pessoa que treina com método, é focada e não falta aos treinos, segue uma dieta balanceada e descansa da forma correta, terá resultados muito mais rápidos.

Por isso, não há um padrão, um tempo onde qualquer um verá resultados. Estamos falando de um processo adaptativo, evolutivo. Portanto, não há como mensurar com exatidão quanto tempo demora para observar os resultados na musculação.

Mas a ciência vem investigando possibilidades de encontrar uma linha em comum. Veja alguns estudos sobre o tema!

Estudos sobre o tempo que a musculação demora para dar resultados

Segundo diretrizes da ACSM (American College of Sports Medicine), uma pessoa é considerada ativa, após 6 meses de atividade física constante e planificada. Então, em termos conceituais, podemos dizer que este é o tempo onde podemos começar a ver resultados de verdade no treinamento. Porém, este é um posicionamento generalista, onde é possível encontrar uma série de resultados diferentes.

Fleck e Kraemer (1999) preconizam que os resultados do treinamento resistido, como aumento da força muscular e hipertrofia, dependem de fatores genéticos, individuais (como idade, histórico de atividade física, etc.) e de estímulos, como dieta e treinamento. Para aumentos consideráveis, de pelo menos 1 a kg de massa muscular, o tempo médio é de 60 a 90 dias, tendo como base um treino e uma dieta ótimos.

Leia também => 8 Maneiras de intensificar seu treino de pernas e ter melhores resultados

Porém, nas primeiras 4 semanas, já é possível verificar um aumento considerável na força muscular. Dependendo do nível de treinamento do praticante, a força muscular em determinados exercícios pode até dobrar. Em termos de hipertrofia, este aumento não é tão significativo, neste curto espaço de tempo.

Seynes (2007) preconiza que seguindo os exercícios para seus biótipos, com uma dieta moderada e saudável, conseguiram alcançar mudanças musculares (porém muitas vezes não visíveis) a partir do trigésimo dia de musculação. Porém, o autor mostra que é a partir da 3ª semana de treinamento constante, que temos uma melhora mais nítida. Lembrando que isso tudo depende de uma série de fatores.

Para te ajudar, selecionamos algumas dicas para que você possa ter resultados melhores e mais sustentáveis!

Como melhorar os resultados na musculação

1- Seja paciente

Construir um corpo forte e hipertrofiado é uma obra que demanda tempo e esforço. Ninguém consegue resultados acima da média, em poucas semanas. Por mais que nos primeiros 6 meses, o treinamento traga mais resultados, este ritmo não se mantém. Quanto mais treinado você fica, mais difícil se torna o desenvolvimento.

Por isso, paciência é fundamental. Muitas pessoas desistem quando começam a perceber que não estão tendo resultados de forma rápida. Porém, o período inicial do treinamento é vital para que você tenha melhores resultados e principalmente, possa dar a sustentação para o desenvolvimento posterior. Faça os treinos da maneira adequada, mantenha uma dieta equilibrada e não caia na tentação de partir para os esteroides anabólicos.

2- Fortaleça sua base

No primeiro momento, você precisa provocar em seu corpo, uma adaptação mais generalizada. Não foque em apenas um ou dois grupos musculares ou então, treinar apenas o que gosta. É neste primeiro momento que iremos desenvolver a força, a flexibilidade, a coordenação motora e consciência corporal. Estas qualidades físicas, serão a base para que você tenha um crescimento sadio e sustentável.

Porém, mesmo com um treino focado nestas bases, se você o fizer da maneira certa, terá resultados em termos de hipertrofia. O desenvolvimento inicial é muito rápido, principalmente quando se treina da forma correta e com a sua individualidade sendo respeitada.

3- Pense em criar um hábito, não em resultados rápidos

O maior problema da população em geral, é a falta de aderência em um programa de treinamento. No geral, nos 3 primeiros meses a taxa de desistência é enorme. Com isso, estas pessoas nunca passam a ter realmente, os benefícios da atividade física sistemática e planificada.

Por isso, se você está iniciando um treinamento, foque em criar o hábito, em fortalecer as razões que te fazem treinar. Se você tiver resultados consideráveis nos 3 primeiros meses, mas parar de treinar, isso pouco vai adiantar. Por isso, tente ao máximo, ter no treino, um hábito!

4- Melhore sua capacidade funcional

Se você era totalmente inativo, preocupe-se não apenas com hipertrofia. Se você não tiver um Vo2 máximo minimamente desenvolvido, não terá bons resultados, nem em longo prazo. Por isso, desenvolva sua força, sua flexibilidade, faça exercícios aeróbicos. Uma casa grande começa com um bom fundamento. Com seu corpo, é a mesma coisa. Melhore, antes de tudo, sua capacidade funcional!

5- Treine com o acompanhamento adequado

Este ponto chega a ser repetitivo, mas não posso deixar de endossar sua importância. Se desde o primeiro momento, você tiver uma dieta específica, montada por um nutricionista, um treino baseado em uma periodização individualizada, você terá muito mais chances de ter bons resultados.

Leia também => Hipertrofia muscular, o guia completo para ter melhores resultados!

O tempo que você demora para ver os primeiros resultados na musculação pode variar bastante. Mas o mais importante sempre será o tempo que você passa treinando da forma correta. Bons resultados no início se perdem rapidamente se você não mantiver o hábito. Por isso, seja forte e se mantenha focado! Bons treinos!

Referências:
FLECK, S.; KRAEMER, W. Fundamentos do treinamento de força muscular. Porto Alegre: Ed. Artmed, 1999.
SEYNES, O. R. Hipertrofia do músculo esquelético precoce e mudanças arquitetônicas em resposta ao treinamento de resistência de alta intensidade Journal of Applied Physiology, 2007.

Sobre Sandro Lenzi

Educador físico apaixonado pelo desenvolvimento humano. Atuo como produtor de conteúdo, personal trainer e com consultoria online.
CREF: 22643-G/SC

Leia também

Qual o Melhor BCAA do mercado em 2017? – Veja agora nossa lista atualizada!

Você conhece qual o melhor BCAA do mercado? Conheça os melhores nacionais e importados segundo a …

Primeiro dia de academia, dicas que todo iniciante deve seguir!

Se você começou a treinar agora, ou ainda vai começar, veja este artigo com dicas …

  1. Bom dia. Comecei a malhar faz 1 mês, daí faz 1 semana que comecei a tomar whey proteín, e começou a aparecer umas espinhas, como tenho problemas com hormônios, fico com medo de nascer mais, ou é normal nascer algumas? O que fazer??

    • Olha, não entendo muito de whey, mas as espinhas provavelmente são causadas por algum tipo de alergia ou intolerância que você tem a algum componente do suplemento. Você é intolerante à lactose ou alérgica à proteína do leite? Pergunto isso porque eu só deixei de ter espinhas depois de cortar tudo contendo leite e glúten da minha dieta. Não estou dizendo que você deva fazer isso também. Mas talvez seu problema seja parecido. Hormônios não deve ser porque o whey é um suplemento, não deveria conter hormônios.

  2. MEUS RESULTADOS: musculação em 10 meses–> 5 dias/semana média de 1,20horas/dia
    1,79mt; 78kg; BF 8,1%;

    -Nunca tinha feito atividade física
    -Dieta + descanso + treino bem equilibrados
    -Nesses 10 meses faltei entre 10-18 dias.
    -Suplementação: apenas whey + creatina (contínua 3g/dia)
    -Ganhei entre 6-9kg de massa muscular em 10 meses (é bastante coisa).
    -Os resultados visíveis mesmo, começaram a aparecer lá pelo 3º mês.
    -Sem o uso de qualquer outra substância (EX: esteróides)

    A dedicação vale a pena, os resultados eventualmente chegam, aprenda que a musculação deve fazer parte do seu novo estilo de vida e deve ser tratada como um hobie, uma diversão.

  3. Olá, me chamo Jefferson e tenho 45 anos.
    Em janeiro de 2017 eu pesava 100kg e após uma dieta baseada apenas na ingestão necessária de calorias e qualidade de alimentos, consegui reduzir meu peso para 81kg. Meu objetivo é 75kg.
    Iniciei a musculação há cerca de um mês. Vou aos treinos de segunda a sexta pela manhã e corro 5 km três vezes na semana (corrida de rua). Visivelmente a perda de gordura é enorme, porém não percebi ainda ganho de massa muscular. Contudo, percebo um aumento incrível na minha força e resistência. Após o início dos treinos, passei a consumir Whey e BCAA, alem de Tribulos Terrestris. Minha alimentação é bem adequada e durmo 8 horas durante a noite e cerca de 1 a 2 horas após o almoço. Com base nessas informações é possível estimar quando serão perceptíveis os resultados da musculação?

    • Depende de vários fatores, eu em um mês já tive um ótimo resultado, porém já treinei muito a anos atrás, acredito tbm na genética, pois treino com um amigo que praticamente tem a minha altura e puxa os mesmos pesos que eu, seguimos os mesmos treinos e dietas, porém ele não apareceu nenhum resultado muito visível, já eu estou bem mudado, meu ganho é muito maior, então pra mim conta muito a genética, e olha que sou 8 anos mais velho que ele.

    • Olá Jefferson! Tenho 41 anos e temos objetivos parecidos. Eu tenho 90% de certeza de que sua falta de resultados visíveis é sua prática de treinos concorrentes! Vc faz musculação + corrida 5km! Vc mesmo se respondeu quando citou força e resistência muscular. Se você busca hipertrofia e definição, converse com seu instrutor sobre trocar estas corridas por um treino hiit, que tenho certeza de que você alcançará seu desejado resultado. Boa sorte!

      • Olha, dá para manter a corrida, porém nos dias em que for correr sua alimentação tem que ser reforçada em proteínas pós treino e corrida, e bastante carboidratos pré e pós corrida. Se tua meta é queima da gordura, aconselho correr o trajeto em jejum, mais ou menos 30 minutos (5 Km), depois faça sua reposição de glicogênio (carboidratos) e aminoácidos (proteínas). E outra, fazer as atividades em horários opostos, se corre de manhã, vá a academia à noite, para o corpo dar uma regenerada, senão o saldo catabólico será maior que o anabólico.

  4. Comecei a frequentar academia em agosto/2016:
    Peso:90,60kg
    Altura: 1,66
    Completados um anos além da mudança visível e sinto mais forte e mais resistente no começo sempre aeróbico em torno de 3~4km antes de começar.
    Hoje
    Peso : 66,20Kg, o foco agora e definir mas estou muito satisfeito o mais importante foi ter feito da pratica de exercício um rotina e algo tão comum como ir para trabalho ou faculdade.

  5. Raquel. Lima Figueiredo

    Oii. Minha duvida e o seguinte. Tenho 32 anos peso 58 kilos minha altura e de 1,58 . faco musculacao. Ha uns 8 meses . pesava 68 kilos. A minha duvida. Como eu sei se posso muda meu treino . para modela o meu corpo. Faco mais aerobico ao invez de pega pesado . quero saber tbm . quanto de peso e o ideal para modela. Quanto mais pesado melhor ou mais leve . rapido ou devagar . sonho meu e ter um gluteo na nuca. E outra perco muito facio o equilibrio .existe algo que posso fazer pra diminuir isso . um professor me falou por conta do tamanho do meu pe 34 n . que perco .pode ser verdade .

    • Geralmente, praticantes que buscam alto rendimento utilizam calçados com salto nos calcanhares para realizar agachamento, mas tu pode improvisar colocando uma anilha para apoiá-los. Em relação ao corpo definido, eu fiz o seguinte: primeiro eu sequei, fiz o jejum intermitente 16/8 e 18/6 (finais de semana), com uma dieta rica em proteína (50%), e reduzindo o carboidrato (15%), mantendo gorduras (35%). Depois comecei a fazer uma dieta para ganhar massa, com as mesmas proporções de macronutrientes, porém como precisava ingerir um alto valor calórico interrompi o jejum, durante quatro meses. Depois fiz o cutting, as mudanças foram, comecei a pedalar (na academia) em jejum pela manhã, entre 20 a 30 minutos, voltei ao jejum intermitente, mas 12/12, e musculação à noite. Com dois meses de cutting estava com um bom resultado.

    • Enquanto a carga do exercício, o excesso de carga prejudica a execução correta do exercício, tornando-o pouco eficaz, assim a carga ideal é o máximo de carga onde tu possa executar o movimento corretamente, o fundamental é sentir a contração do músculo alvo. Quando você utiliza muita carga o corpo recruta outros músculos para levantar a carga, e por isso você não percebe muito a contração do músculo alvo.

  6. OI RAQUEL TUDO BEM. O BOM SERIA VOCÊ FAZER UMA AVALIAÇÃO PARA VER SEUS ÍNDICES DE MASSA MUSCULAR, GORDURA E PESO ÓSSEO. ACHO QUE VOÇÊ DEVE MUDAR SEU TREINO SIM, JÁ PERDEU 10 KILOS E AGORA PODE COMEÇAR A FOCAR NA MUSCULAÇÃO PARA DEFINIÇÃO MUSCULAR. VARIE EXERCÍCIOS, PESO, REPETIÇÕES E TEMPO DE EXECUÇÃO, ISSO É IMPORTANTE SEMPRE VARIAR OS TREINOS. QUANTO AO EQUILÍBRIO EXISTE EXERCÍCIOS QUE PODEM AJUDAR, VOU DEIXAR MEU WHATS SE QUISER ALGUMAS DICAS E TROCAR IDEIAS, PODEM ADICIONAR QUE DENTRO DO POSSÍVEL RESPONDEREI. ABRAÇOS

  7. Ola sou alice peso 58 kg entrei na academia ah 3 semanas eu gostaria de saber se é possivel ganhar de 2 a 3 kg de massa em 4 meses de treino,com 3 semana ja vi uma pequena diferença em minha perna.

    • Você precisa de 8000 Kcal para ganhar 1 Kg, neste caso você precisa ingerir um excedente na sua dieta de 24000 Kcal, dividido em 120 dias (4 meses), dá 200 Kcal/dia, ou seja, se você gasta 2000 Kcal/dia, então deve fazer uma dieta que contenha 2200 Kcal/dia. Para que essa massa não seja gordura, abaixe o índice de carboidrato na sua dieta, priorize-o antes e depois dos treinos, e aumente o índice de proteínas em sua dieta. Consuma gorduras, ovos com gema, leite integral, azeite, amendoim, abacate, aveia, etc.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curta-nos no Facebook!