fbpx
Página Inicial » Treinos » Padrões alterados de movimento e assimetrias musculares, há como resolver?

Padrões alterados de movimento e assimetrias musculares, há como resolver?

Padrões alterados de movimento são a origem de muitas lesões e desequilíbrios musculares. Há formas de melhorar estes padrões, tornando o treino mais eficiente e seguro.

Somos seres altamente complexos, móveis e com interação de diferentes estruturas em nossas atividades diárias. Isso faz com que o movimento humano seja um tema altamente complexo.

Tanto é que há profissionais, de diferentes áreas, que se dedicam a estudar isso. Não é nada fora do comum termos padrões alterados de movimento, que são oriundos de uma série de fatores.

O que são padrões alterados de movimento?

Nosso corpo tem uma infinidade de combinações de movimentos, estáticos e dinâmicos, que causam interação entre estruturas musculares. Quando, por algum motivo, estas estruturas não interagem da forma correta, temos um padrão alterado de movimento.

As razões para isso podem ser muitas. Genética, má postura, falta de exercício físico, fortalecimento inadequado, morfologia (forma de músculos e articulações) e muitos outros.

Para que isso tudo fique mais claro, vamos pensa em um dos casos mais comuns: o joelho em valgo.

Basicamente, o joelho em valgo é quando temos uma rotação interna dos joelhos, como na imagem:

joelho em valgo

Esta é uma condição na maioria das vezes, genética ou morfológica. Porém, há uma variação do valgo tradicional: o valgo dinâmico.

Basicamente, o valgo dinâmico é quando fletimos o joelho e ele entra em estado de valgo. Olhando o joelho parado, não há quadro de valgo. Porém, quando há movimento, o joelho entra nesta condição.

Ou seja, é um padrão alterado de movimento.  

Estes padrões impedem um desenvolvimento muscular harmonioso e principalmente, prejudicam o alinhamento articular. Desta maneira, eles pode gerar lesões em diferentes níveis.

Quais os principais padrões alterados de movimento?

Há milhares de padrões alterados de movimento, quando o foco é a musculação. Falar de cada um é complexo, pois há interação de diferentes fatores.

De forma geral, todas as articulações pode apresentar estes padrões alterados, que acabam gerando desbalanceamentos musculares.

Em termos mais gerais, os padrões alterados de movimento mais conhecidos são:

  • Joelho valgo, varo e com valgo ou varo dinâmico;
  • Desvios na coluna (hiperlordose, hipercifose, escoliose, etc.);
  • Retificação cervical;
  • Escápula alada, abduzida, aduzida ou com discinesias;
  • Ombro protuso ou retruso;
  • Quadril em retroversão ou anterversão;
  • Pés e tornozelos em valgo ou varo.

Naturalmente existem muitos outros padrões alterados de movimento. Além disso, uma pessoa pode apresentar vários deles. Ainda temos as questões que um desvio em um ponto, prejudica outra articulação.

Leia também => Hiperlordose – Origem, Prevenção e Exercícios

Por exemplo, uma escápula abduzida (quando ela fica “aberta” além do normal), pode gerar um ombro protuso. Um pé em valgo, vai fazer com que o joelho também entre em valgo.

Como os padrões alterados de movimento criam assimetrias musculares

Nosso corpo é totalmente interligado em suas estruturas. Isso faz com que um leve desvio postural gere um padrão alterado de movimento, que vai gerar uma assimetria muscular.

Salvo casos onde o treino é feito com execuções erradas e sem consciência corporal, praticamente toda assimetria muscular é oriunda de um padrão alterado de movimento.

Por exemplo, há muitas pessoas que tem assimetria no latíssimo do dorso. Basicamente um lado fica relativamente maior do que o outro. Isso faz com que haja um desbalanceamento na produção de força e esteticamente um padrão fora do que a pessoa busca.

Mas na grande maioria dos casos, essa assimetria do latíssimo do dorso é oriunda de uma escoliose. Um desvio na coluna, que torna um lado mais solicitado do que o outro.

Existem milhares de exemplos que podem ser usados aqui. Ombros protrusos geram desequilíbrio entre peitoral e dorsais, joelho valgo entre vasto medial e lateral e assim por diante.

Como mudar os padrões alterados de movimento e corrigir assimetrias musculares?

Aqui vou ser bem direto: procure um fisioterapeuta e um bom educador físico. Há padrões alterados de movimento que podem ser altamente lesivos e gerar perda considerável de funcionalidade.

Aqui, os resultados estéticos são secundários. Sua saúde é que pode estar prejudicada.

Porém, há algumas práticas que vão te ajudar a minimizar casos mais brandos. Além disso, estas práticas devem ser adotadas pelo profissional que irá tratar os padrões alterados de movimento.

Leia também => A importância de fortalecer o vasto medial para preservar o joelho

Formas de minimizar os padrões alterados de movimento e reduzir as assimetrias musculares

Relação direta entre alongamento e fortalecimento

Se o padrão alterado de movimento não for algo morfológico, sendo a causa um desbalanceamento muscular, o tratamento sempre será com base na melhora da relação alongamento e fortalecimento.

Basicamente, precisamos tornar as estruturas mais fortes e flexíveis. Desta maneira, as articulações e tendões irão “alinhar” as estruturas que estão fora de seu padrão.

Em alguns casos, isso não irá resolver o problema por inteiro, como no caso do joelho varo ou valgo, mas reduzirá problemas como o valgo dinâmico.

Por isso, o processo para melhoria dos padrões alterados de movimento começa sempre pela relação direta entre aumento da flexibilidade e fortalecimento muscular.

Este fortalecimento, feito de forma específica para cada padrão alterado.

Exercícios unliaterais são importantes

Esta não é uma via de regra, por que há diferentes tipos de desvios de padrão de movimento. Mas em muitos casos, os exercícios unilaterais são uma alternativa interessante para ajustar o desbalanceamento muscular.

Em alguns casos, os movimentos com halteres também são usados, pois dissociam os lados e trabalham com cargas específicas.

Mas lembrando que isso não é via de regra. Em alguns casos, os movimentos bilaterais são importantes também.

Melhora da execução dos movimentos

Melhorar a execução dos movimentos é fundamental para melhorar os padrões alterados de movimento. Isso envolve usar exercícios educativos, melhorar a consciência corporal e a postura de uma forma geral.

Isso, por si só, já irá melhorar muitos elementos dos padrões alterados de movimento. Porém, se estes forem mais extensos, apenas isso não irá resolver.

Será necessário fortalecer músculos mais específicos

Mesmo com todas as ações citadas acima, será necessário fortalecer músculos específicos. Por isso, para quem apresenta padrões alterados de movimento, apenas treinos generalistas são contraindicados.

Por exemplo, uma pessoa que apresente um joelho em valgo, precisará fortalecer o glúteo médio, através de movimentos de abdução de quadril. Isso fará com que este músculo se torne mais forte e “puxe” o fêmur mais lateralmente, melhorando o quadro.

Praticamente todos os padrões alterados de movimento e assimetrias musculares precisam disso para serem resolvidos de fato.

Leia também => Assimetria Muscular: Saiba como prevenir e corrigir

Basicamente estas são as medidas a serem tomadas. Mas cada caso é um caso. Não há resposta pronta quando pensarmos em movimento humano. Por isso, sempre conte com a orientação de bons profissionais.

Bons treinos!

Padrões alterados de movimento e assimetrias musculares, há como resolver?
5 (100%) 1 vote

Sobre Sandro Lenzi

Educador físico apaixonado pelo desenvolvimento humano. Atuo como produtor de conteúdo, personal trainer e com consultoria online. CREF: 22643-G/SC

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Notificação de