Página Inicial » Corridas » Isotônicos – Para que servem, Benefícios, cuidados e receita caseira
isotônicos
Saiba para que servem os isotônicos!

Isotônicos – Para que servem, Benefícios, cuidados e receita caseira

As bebidas isotônicas podem ser uma grande aliada dos atletas que praticam atividades físicas de longa duração, mas seu consumo deve ser controlado para não cometer excessos e acabar causando malefícios.

Você já ouviu falar dos Isotônicos? Ou ao menos de seus benefícios ao corpo quando nos referimos a prática de exercício físico? Não? Pois é, assim como vários tipos de líquidos, os isotônicos ganharam força nos últimos anos por serem um aliado dos atletas durante as atividades físicas.

Bom, mas se você não sabe tudo sobre o assunto, não se preocupe, o tema de hoje está inteiramente voltado para esse tema, que tem como objetivo central tirar todas as dúvidas que você possa ter sobre o conteúdo, sem esquecer de mencionar é claro que estamos à disposição para tirar dúvidas, caso ainda após a leitura do artigo, você não tenha todas as suas perguntas respondidas.

Vamos lá?

O que são Isotônicos?

Os Isotônicos são bebidas à base de água que contém vários tipos de nutrientes, como sais minerais e carboidratos, que são meios ideais para reposição de líquidos e nutrientes perdidos durante a atividade física, ou seja, através do suor.

Eles só devem ser consumidos, se durante a atividade física que estiver praticando você perder mais de 2% do seu peso corporal durante a atividade.

Para que você saiba se ele é viável ou não para você, existe uma conta bem simples que você deve fazer, com a famosa regra de 3.

Colocando a peso pós treino e o peso pré treino, se o valor for menor ou igual a 2 então você terá de beber água mesmo, pois ela já é o suficiente, entretanto, se você for maior que 2, então você pode beber o Isotônico.

Ou se você tem dificuldade de fazer a conta, transforme a sua quantidade de calorias perdidas em milímetros, logo, se você perdeu 300 gramas na prática de exercício, então o ideal é você repor com metade de água e a outra metade de Isotônico 300 mililitros de líquido.

Você pode fazer isso até depois de duas horas de treino, pois o corpo ainda queima calorias bem depois de a prática de exercício ser concluída.

Para que serve?

As bebidas Isotônicas servem para repor os líquidos e os sais minerais que são perdidos durante a prática de exercício físico durante a transpiração, pois é o mesmo que possui a concentração desses nutrientes para o corpo.

Qual é a composição dos isotônicos?

A composição de bebidas que derivam do Isotônico é muito grande, o que diferenciam elas são realmente a quantidade de cada item que compõe o líquido, que são os carboidratos, vitaminas, cloretos, sódio e potássio.

Alguns carboidratos concentrados já utilizados por praticantes de atividades, como a maltodextrina e dextrose, também estão presentes em algumas bebidas isotônicas.

Assim, o ideal é você fazer uma escolha que entre de acordo com o tipo de tolerância que o seu corpo permite de inserção. A melhor hora para isso é certamente os períodos de treino, onde você pode testar várias marcas e tipos de Isotônico e escolher qual pode ser o melhor para o seu consumo.

Alguns efeitos como o desconforto gastrointestinal e a produção de gases devem sempre, serem levadas em consideração.

Leia também => Maltodextrina – O que é, para que serve, se engorda e como tomar

Quando usar?

As bebidas isotônicas devem ser utilizadas durante e após a prática de atividades físicas de longa duração. Para isso é recomendável que você o faça de jejum, pois pessoas que se alimentam e depois decidem beber o produto, tendem a ter efeitos colaterais grandes, pois assim como os alimentos que foram ingeridos, o Isotônico contém também carboidratos.

Segundo algumas pesquisas, o Isotônico deve ser utilizado a partir de uma hora de exercício físico e durante, porém, antes desse horário o mais recomendável é ingerir apenas água.

Qual a quantidade ideal e recomendada?

O ideal é consumir cerca de 2 litros de Isotônico. Como mencionamos acima, a quantidade exata irá depender diretamente da quantidade de suor que a pessoa perdeu.

Caso você tenha suado bem pouco o ideal é consumir apenas 1 litro, já se você suou muito, o mais adequado é ingerir 1 litro de água e outro litro de Isotônico.

Mas, é importante também consumir alimentos e frutas, após a prática de exercício.

Por causa do alto consumo de isotônicos feito por pessoas que não tinham conhecimento no produto e por causa de crianças e adolescentes faziam um consumo descontrolado a Anvisa modificou a classificação que antes era “alimento para praticantes de atividade física” para “alimentos para atletas”.

Por essa razão, é importante mencionar aqui, a necessidade de se ter um controle sobre a bebida que pode se tornar prejudicial.

Benefícios

Trouxemos alguns benefícios que valem a pena ser mencionado sobre os Isotônicos:

  • Evita cãibras;
  • Evita desidratação;
  • Melhora a glicose no sangue;
  • Repõe o líquido perdido durante a atividade física;
  • É absorvida rapidamente pelo organismo;
  • Não tem peso corporal;

Leia também => Dextrose – Para que serve? Como tomar? Engorda? E a melhor marca?

Cuidados

É importante que você se atente aos cuidados que se devem ter ao ingerir os Isotônicos, pois eles são apenas recomendados para pessoas que fazem a prática de exercícios físicos (como mencionamos acima) e proibidos para pessoas que sofrem de alguma doença renal, problemas cardíacos ou até mesmo hipertensão.

Diabéticos também devem consultar seu médico antes de inciar o uso.

O Isotônico também não deve ser utilizado como única fonte para repor líquidos, como substituto da água e o suco natural.

Outra contraindicação das bebidas isotônicas é que em grandes quantidades podem, em vez de ajudar a perda de peso, ser uma grande influente no ganho, tudo isso porque, algumas pessoas ingerem além da conta e essas bebidas são ricas em carboidratos, que em excesso, podem se transformar em gordura.

Crianças com os órgãos em formação (menos de 10 anos), não devem de forma alguma ingerir o líquido, pois não é capaz de conseguir eliminar todos os sais minerais.

Receita caseira de Isotônico:

bebidas isotônicas receita caseira natural
Receita de isotônico natural.

Para as pessoas que fazem a prática de exercício diária, o Isotônico pode se tornar um líquido caro para consumo diário, pensando nisso, trouxemos uma receita caseira de isotônico natural, bastante conhecida dele.

INGREDIENTES:

– 4 Colheres de sopa de açúcar;

– ¼ de Colher de chá de sal;

– ¼ de Xícara de água fervendo;

– ¼ de Xícara de suco de laranja (ou se preferir duas colheres de limão)

– ¾ de Xícaras de água fria;

MODO DE PREPARO:

Em uma jarra, dissolva todo o açúcar e o sal com a água que você ferveu. Em seguida adicione todo o suco e a água fria que restou.

Normalmente a porção rende cerca de 1 litro, mas como dissemos durante todo o nosso post, lembre-se de beber com moderação.

Leia também => Gel de Carboidrato – Para que serve? Ele engorda? Qual o melhor?

Conclusão

Podemos concluir então que os Isotônicos, proporcionam benefícios para as pessoas que praticam exercícios físicos de forma rotineira e tem como objetivo principal melhorar a hidratação corporal após as atividades de longa duração.

Assim como mencionamos acima, é necessário um limite quanto a quantidade necessária para se ingerir o liquido, pois, o mesmo pode ter uma inversão de benefícios e se tornar um malefício.

O recomendado sempre, é antes de iniciar o uso, um médico e/ou nutricionista, devem ser consultados para poderem avaliar as reais necessidades de se ingerir as bebidas isotônicas.

Sobre Treino Mestre

Artigos assinados pelo Treino Mestre são escritos pela nossa equipe de profissionais de Educação Física, Nutricionistas, Fisioterapeutas, Atletas e demais colaboradores ligados a saúde e ao esporte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Send this to a friend