Página Inicial » Dietas e Nutrição » Mandioca: Com inúmeros benefícios para saúde, ainda fornece energia para praticantes de atividades físicas

Mandioca: Com inúmeros benefícios para saúde, ainda fornece energia para praticantes de atividades físicas

A mandioca além de ser antioxidante, proteger a pele e nosso coração, é uma excelente fonte de carboidratos para repor as energias e estar presente também na dieta de praticantes de musculação.

mandioca e seus benefícios

Para alguns, aipim, para outros, macaxeira. Não importa o nome, a mandioca faz parte da cultura de praticamente todas as regiões brasileiras, especialmente norte e nordeste. Ela é presença marcante no café da manhã, almoço ou jantar. A versatilidade dessa raiz permite que seja consumida das mais variadas formas. Outro ponto positivo da mandioca são os seus vários nutrientes. Eles ajudam o corpo a funcionar melhor, é um ótimo alimento pré-treino e ainda pode ajudar no emagrecimento.

Composição da mandioca

Essa raiz tuberosa é rica em nutrientes como carboidratos, especialmente amido, um tipo de polissacarídeo muito famoso por fornecer grandes quantidades de energia. Para quem pratica musculação, saiba que a mandioca tem boas taxas de proteínas e também sais minerais e vitaminas, nutrientes muito importantes para o bom funcionamento do nosso corpo.

As folhas também são utilizadas em algumas culturas como, por exemplo, na África. As folhas da mandioca são usadas para combater a desnutrição já que possuem uma elevada quantidade de ferro.

Leia também: Conheça os benefícios do inhame e as melhores formas de se consumir

Os benefícios a mandioca

Agente antioxidante
Aqui, temos a vitamina C e o resveratrol como personagens principais. Esse polifenol ajuda o corpo a combater os radicais livres, substâncias tóxicas que são produzidas pelo nosso próprio corpo, mas a maior quantidade vem de uma alimentação ruim. Esses radicais livres são prejudiciais para a saúde. Eles conseguem alterar o material genético das células, podendo, desta forma, desenvolver o câncer além de outras doenças como o diabetes e doenças cardíacas.

Protege a pele do sol
Nós já sabemos que a exposição excessiva e fora de hora aos raios solares UV danifica a pele, produzem radicais livres que danificam as células e podem levar ao câncer de pele. Mais uma vez aqui temos o resveratrol atuando de forma eficaz na defesa das células. Alguns estudos conseguiram constatar que esse polifenol pode ser até mais eficaz do que alguns protetores solares.

Sem glúten
Tem muita gente por aí tirando o glúten da comida. E você sabe por que? Porque essa substância causa inflamação nos tecidos e prejudica a saúde. Além disso, temos um pequeno grupo portador de doença celíaca, ou seja, são intolerantes ao glúten. Para todas essas pessoas a mandioca é um alimento totalmente liberado, não só pode, como deve comer!

O TEXTO CONTINUA APÓS ESSA PUBLICIDADE!

Leia também: Batata-doce roxa ou branca, quais as diferenças? Qual a melhor?

Construção de novos tecidos
A mandioca é excelente, principalmente, para os idosos. Com o passar dos anos o nosso metabolismo cai e criar novos tecidos já se torna mais difícil. Assim, a vitamina C é um nutriente que ajuda na síntese de colágeno, proteína que melhora a elasticidade da pele, tendões, ligamentos e cartilagens. Já a construção de uma nova matriz óssea pode ser auxiliada pelo consumo das folhas jovens da mandioca que possuem muita vitamina K.

Faz bem ao coração
Rica em sais minerais como o magnésio, o zinco, o cobre, o ferro, manganês e o potássio, importantes para a manutenção do sistema cardíaco, a mandioca se faz ainda mais importante na dieta. O potássio, por exemplo, é essencial para garantir o equilíbrio da pressão arterial. Enquanto o sódio “segura” a água dentro do nosso corpo, o potássio trata de enviá-la para fora, através da urina. Para cada 100 g de mandioca, temos 271 mg de potássio.

Bons carboidratos
A mandioca é excelente para praticantes de atividade física, principalmente a musculação, pois ela é rica em carboidratos complexos, ou seja, é um alimento que não promove o pico de insulina por possuir um índice glicêmico baixo (46), grande responsável pela acumulação da gordura na região abdominal do corpo. Por isso é que a mandioca é excelente para ser consumida antes dos treinos. Ela prolonga a presença de glicose no sangue. Boa parte dos carboidratos dessa raiz é na forma de amido. Apenas uma molécula de amido consegue ser transformada em milhares outras de glicose. Sendo uma excelente fonte de energia.

Leia também: Tabela de Índice Glicêmico dos Carboidratos

Mandioca emagrece?
A mandioca em si não emagrece. Ela não possui nenhuma substância que nos ajude a perder peso como é o caso da cafeína, por exemplo, que aumenta o nosso metabolismo. Porém, por ser uma raiz de carboidratos complexos, é uma excelente maneira de fazer substituições, por exemplo, pelo pão no café da manhã, mesmo que seja o integral. Portanto, inserir a mandioca no cardápio do dia é uma boa estratégia para reduzir o consumo do carboidrato simples.

Melhores formas de consumir a mandioca

Ta aí um alimento extremamente versátil: ela pode ser frita (não é uma forma muito saudável), pode ser cozida ou mesmo assada. Se você pretende assá-la ou usar uma fritadeira sem óleo, a raiz deve ser cozida, primeiramente. Também é muito utilizada para fazer purês, em especial um prato muito conhecido que é o Escondidinho de Carne.

Além disso, a mandioca está presente em vários outros alimentos. Por exemplo, quem gosta de tapioca, um alimento super saudável e que é feito a partir da mandioca. Temos também a farinha de mandioca, muito consumida no Nordeste.

Sobre Calila Galvao

Leia também

O que avaliar ao procurar um nutricionista esportivo?

O nutricionista esportivo é um profissional fundamental para que você tenha melhores resultados em seu …

Recuperação muscular, 10 dicas para otimizá-la e ter melhores resultados!

A recuperação muscular é fundamental para que a hipertrofia aconteça e você tenha os resultados …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curta-nos no Facebook!