Página Inicial » Treinos » TAF – Teste de aptidão física para concursos, como treinar?

TAF – Teste de aptidão física para concursos, como treinar?

Muitas das ocupações que precisam de concurso público para serem efetivadas como a Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Federal, etc, exigem o teste de aptidão física. Veja neste artigo, como deve ser seu treino para estes testes mais dicas importantes!

Foi-se o tempo em que apenas as carreiras militares tinham os tão temidos testes de aptidão física (TAF) como exigência para a efetivação em cargos públicos. Hoje, devido a diversos fatores, já temos até algumas carreiras de cunho administrativo que tem tal prova em seu exame de seleção dos candidatos. Neste sentido, nós do Treino Mestre, vimos a importância de mostrar como você pode fazer para se preparar para as provas de aptidão física e conseguir sua sonhada efetivação!

Basicamente, não temos um parâmetro de teste de aptidão física, pois eles geralmente são concebidos de acordo com as necessidades de cada função. Neste sentido, vamos mostrar alguns aspectos gerais que precisam ser levados em conta em sua preparação.

teste de aptidão física TAF TRF
Créditos imagem: Resgatedoa Brasil

Como chegar preparado (a) para seu teste de aptidão física

Basicamente, você precisa levar em conta alguns aspectos para que seu teste de aptidão física, não venha a ser um empecilho para que você deixe de se efetivar no cargo. Vamos então a alguns itens:

1° Mantenha-se sempre ativo (a):
Mesmo que você não esteja de fato em preparação para determinada prova, saiba que manter-se ativo é fundamental para que você possa de fato estar bem preparado. Independentemente das provas que farão parte de seu teste, praticar exercícios aeróbicos e resistidos durante o ano todo é fundamental para que sua preparação seja muito mais facilitada. É mais fácil preparar alguém que já tem uma base, do que alguém que é totalmente sedentário (a). Por isso, mantenha-se sempre ativo!

2° Verifique o tempo disponível:
Nem todas as provas acontecem todos os anos, na mesma época. Portanto, quando sair o edital de determinado concurso, que mostrar que será aplicado o teste de aptidão física, veja quanto tempo você tem para se preparar. Caso você já tenha seguido a dica anterior, saiba que terá um caminho muito mais facilitado para seu objetivo, pois com uma boa base de desenvolvimento das aptidões física, você conseguirá uma boa preparação com mais facilidade. Além disso, ficará muito mais fácil para que você, juntamente com seu treinador, consiga de fato montar um bom planejamento.

3° Trace quantos treinos semanais você terá:
É importante ter o foco da quantidade exata de treinos que você conseguirá fazer antes do teste de aptidão física, para poder dividir e planejar como será cada treinamento seu e qual o foco em cada período.

4° Foque nas especificidades da prova:

O TEXTO CONTINUA APÓS ESSA PUBLICIDADE!

Se a prova exigir que você corra 1 km, não precisa treinar para 10 km! Seja focado no que realmente interessa! Muitas pessoas eram nos testes de aptidão física, por quererem mostrar mais do que precisa. Se você tiver um desempenho que te garanta a aprovação, vai ter o mesmo emprego do que qualquer um que se ache o “super atleta”. Até por que, na grande maioria dos concursos públicos, o teste de aptidão física é uma prova eliminatória e não somatória!

5° Desenvolva o contexto todo:
Imagine o seguinte, você jamais conseguiu fazer uma repetição completa sequer de barra fixa e o teste de aptidão física exige 3. Vai adiantar você ficar na barra, tentando fazer as 3, sem treinar seus músculos para isso? Claro que não! Para este exercício específico, você precisa de um fortalecimento dos músculos dorsais (principalmente o trapézio e o grande dorsal), dos deltoides e do bíceps. Portanto, antes de ir para a execução deste movimento, vá fortalecendo os motores do movimento. É a mesma coisa com movimentos como flexão de braço (peitoral e tríceps) ou abdominal. Da mesma maneira, como acontece na maioria dos concursos, o teste de flexibilidade é feito no banco de Wells, portanto, você precisa melhorar a flexibilidade de seus isquiotibiais e musculaturas da coluna lombar.

6° Trabalhe para mais sempre!
Muitas vezes, na hora do teste de aptidão física, bate um nervosismo natural. Por isso, sempre treine para um pouco mais do que você precisa. Não em excesso, mas tenha uma “reserva de segurança”.

7° Faça uma dieta específica:
Mesmo que o contexto não seja para fins estéticos, o treinamento para um teste de aptidão física, precisa ser acompanhado de uma dieta para este objetivo. Caso contrário, você tem grandes chances de NÃO alcançar seu objetivo.

8° Na semana antes do teste, descanse mais:
Assim como numa periodização esportiva, a semana pré-contest (pré-competição) precisa ter um reduzido volume de treino, para que você consiga ir para o teste com o máximo de substratos energéticos.

9° Tome cuidado com o que come antes do teste:
Parece banal, mas muitas pessoas cometem o erro de não se alimentar corretamente antes deste tipo de teste. Evite alimentos pesados e gordurosos, para não ter um desempenho reduzido.

Além disso, é importante que você tenha o acompanhamento de um bom profissional de educação física, pois ele saberá montar seu treino dentro de suas especificidades e objetivos! Bons treinos!

Sobre Sandro Lenzi

Educador físico apaixonado pelo desenvolvimento humano. Atuo como produtor de conteúdo, personal trainer e com consultoria online.
CREF: 22643-G/SC

Leia também

Qual a diferença entre a cadeira flexora e a mesa flexora? Qual a melhor?

Cadeira flexora e mesa flexora são a mesma coisa? Não, são aparelhos diferentes, com o …

Treino de costas, bíceps e antebraços, dicas práticas

A divisão do treino de costas, bíceps e antebraços é muito interessante para iniciantes, pois …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curta-nos no Facebook!