fbpx
Pesquisar

Como a musculação pode aumentar sua velocidade na natação

A musculação compõe o principal método de treinamento de força usado nos esportes. No caso da natação, quando ela é bem empregada, pode trazer um bom aumento de velocidade.

musculação aumentar velocidade na natação

Melhorar o desempenho é, juntamente com emagrecimento e hipertrofia, um dos objetivos mais comuns de quem busca a musculação.

Naturalmente, esta é uma prática usada por inúmeras pessoas que visam aumentar seu desempenho, entre atletas profissionais ou amadores.

No caso da natação, a musculação traz inúmeros benefícios, entre eles, o aumento da velocidade.

Aqui é importante abrir uma questão. Quando falo em velocidade, não estou me referindo apenas a provas rápidas.

Mesmo um fundista, que faça provas mais longas, precisa de aumento de velocidade, para ter um melhor desempenho.

Vamos as explicações!

Como a musculação melhora a velocidade na natação?

A velocidade é dada pela distância, dividida pelo tempo. Desta maneira, para aumentar a velocidade, devemos percorrer a mesma distância, em menos tempo. Parece óbvio e é.

Porém, se partirmos deste pressuposto, precisamos de algo muito importante, no caso da natação: aumento da frequência e principalmente, eficiência das braçadas.

E é aqui que a musculação entra muito bem. Ela vai aumentar a eficiência das braçadas, bem como a velocidade e em alguns casos, a frequência.

Mas isso só é possível com um trabalho bem estruturado. A natação é um esporte com muitos grupos musculares envolvidos.

Estes músculos precisam de aumento da eficiência contrátil, mais resistência, força e potência.

Naturalmente que a natação não é a única solução. Será preciso otimizar de diferentes formas, incluindo o treino específico.

O TEXTO CONTINUA APÓS ESSA PUBLICIDADE!

Melhora da técnica, somada ao treinamento adequado de musculação, são os elementos mais importantes para o aumento da velocidade na natação.

Mas não é porque a musculação é uma prática em comum, que qualquer treino vai resolver.

Temos de estimular adequadamente os músculos corretos e trabalhar com base no desenvolvimento de qualidades físicas.

Como deve ser o treino de musculação focado no aumento da velocidade da natação?

Separei 5 dicas fundamentais para você aumentar a velocidade na natação.

Elas são aplicadas a qualquer estilo ou distância. Mas naturalmente que dependendo da sua individualidade, serão necessários alguns ajustes.

Leia também:

Natação e Musculação – 7 dicas para nadadores melhorarem os resultados

1- Comece melhorando a eficiência motora

Um erro muito comum, quando as pessoas começam a musculação, é não focar na melhoria da eficiência motora.

– Mas como assim Sandro?

Você não vai conseguir atingir bons resultados, se não focar em desenvolver uma boa técnica.

Primeiro na natação. Faça educativos e sempre treine focando na melhora da técnica.

Na musculação, foque em desenvolver uma boa base de movimentos. Aprenda os básicos, como agachamento, levantamento terra, supino e puxadas, com excelência.

Isso fará sua eficiência mecânica aumentar e os resultados serão muito melhores.

2- Primeiro resistência e força, depois potência

Aumentar a velocidade é igual a ter mais potência. Porém, para que você desenvolva potência, precisa prioritariamente, desenvolver primeiramente resistência e força.

Sem isso, seu treino de potência não será eficiente o suficiente.

A lógica é muito simples. Se você não desenvolve, através de treinos específicos, a força e a resistência, não terá uma boa base de desenvolvimento, para ter um treino de potência que seja de fato eficiente.

Veja também:
Alimentação e suplementação para nadadores, 5 Dicas fundamentais

3- Foque nos músculos com melhor transferência de força

Dentro do treinamento, a transferência de força é um elemento fundamental na melhora do desempenho.

Por exemplo, movimentos de puxada tendem a ter uma boa transferência de força para o nado crawl.

Isso acontece porque o movimento articular é muito semelhante ao da modalidade.

Por isso, de acordo com o tipo de prova que você disputa dentro da natação, escolha exercícios que tem uma boa transferência de força.

Por exemplo, no nado crawl, movimentos como supino e puxadas, tem boa transferência de força. Para a “pernada”, o agachamento e o levantamento terra são muito eficientes.

4- Foque em construir, não em ir com pressa

A musculação, aliada a natação, é uma construção. Deve-se ter sempre o pensamento em longo prazo. Os resultados reais acontecem com a maturidade muscular.

Por isso, sempre tenha em mente que enquanto você nadar, deverá ter um treinamento resistido para que tenha bons resultados. Caso contrário, acabará tendo dificuldades em conseguir um bom desempenho.

5- Preserve suas articulações

Além do trabalho focado no aumento da velocidade, é fundamental que você tenha uma preocupação com a prevenção de lesões. Neste sentido, é muito importante trabalhar com exercícios que ajudam na estabilização.

Por exemplo, quem faz natação com frequência, precisa de uma boa estabilização do manguito rotador. Neste artigo falamos mais sobre isso (Veja a importância de exercitar o manguito rotador).

Além disso, fortalecer o core e demais músculos estabilizadores, como glúteos, também é muito importante.

Tão importante quanto nadar mais rápido, é nadar por mais tempo, por não possuir lesões.

Este é o princípio fundamental do desempenho esportivo: fortalecimento para melhorar o rendimento. Neste sentido, a musculação é muito importante, tanto para a natação, quanto para outros esportes.

Treine sempre com a orientação de um bom profissional. Bons treinos!

Sobre Sandro Lenzi

CREF: 22643-G/SC Profissional de educação física apaixonado pelo desenvolvimento humano. Atuo como produtor de conteúdo, personal trainer e com consultoria online. Quer ter um treino personalizado? clique aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *