Página Inicial » Receitas Fit » Shimeji – Seus benefícios para saúde, como fazer e receitas fit
receita como preparar shimeji na manteiga

Shimeji – Seus benefícios para saúde, como fazer e receitas fit

O cogumelo shimeji é rico em proteínas e fibras e com baixas calorias. Se consumido regularmente proporciona vários benefícios para saúde e não prejudica a dieta. Aprenda a preparar!

Hoje, o consumo alguns alimentos que antes não era muito presente na nossa cultura alimentar vem crescendo a cada dia. Os cogumelos são alguns desses alimentos e entre eles podemos incluir o shimeji.

Além deste, outros cogumelos têm se popularizado na nossa culinária como shitake e o champignon. As preparações culinárias que os cogumelos podem ser incluídos são inúmeras, além dos benefícios que eles oferecem.

Por isso, abordaremos neste artigo um pouco mais sobre o shimeji. Saiba quais nutrientes estão presentes neste cogumelo, os benefícios do seu consumo, suas propriedades, como preparar e armazenar, além de 4 receitas saudáveis.

O que é?

Shimeji é um tipo de cogumelo muito comum e consumido na culinária oriental, especialmente no Japão. De acordo com a Organização das Nações Unidas, a ONU, este é o terceiro cogumelo comestível mais consumido em todo o mundo.

Além de poder ser incluído em pratos que ficam completamente saborosos, este cogumelo é um alimento especial com peculiaridades e benefícios para quem consome.

Informação nutricional

O shimeji é um cogumelo que se caracteriza por conter alguns nutrientes e entre eles estão:

  • Carboidratos
  • Proteínas
  • Gorduras saturadas e insaturadas
  • Fibras
  • Minerais como ferro, cálcio, sódio e potássio

Os nutrientes que mais se destacam nesse cogumelo são as fibras e o potássio, pois encontram-se em grande quantidade. Já os carboidratos estão em menor quantidade e as gorduras são praticamente inexistentes.

Quanto às calorias, o shimeji apresenta um teor baixo. 100 gramas deste cogumelo contém uma média de 20 calorias.

Propriedades do shimeji

O TEXTO CONTINUA APÓS ESSA PUBLICIDADE!

Este cogumelo, por causa dos seus nutrientes, principalmente as fibras e o potássio, apresenta algumas propriedades como antilipidêmica, hipoglicemiante, antidiabética, laxante e hipotensora.

Benefícios

Este cogumelo oferece os seguintes benefícios:

1. Ajuda no emagrecimento

O shimeji ajuda no emagrecimento por causa de algumas características que esse cogumelo contém. Algumas dessas características são: poucas calorias, poucos carboidratos e rico em fibras.

Já sabemos que alimentos pobres em calorias e carboidratos contribuem para regular e facilitar a perda de peso. Os carboidratos são os principais vilões do peso, visto que, quando ingeridos frequentemente, facilitam o aumento glicêmico.

Quando ocorre aumento da glicose sanguínea, parte dessa glicose é transformada em gorduras que são armazenadas no organismo na forma de tecido adiposo como reserva de energia.

Com o consumo deste cogumelo e de uma alimentação balanceada pobre em carboidratos, calorias e rica em fibras, o organismo utiliza sua pouca glicose como fonte de energia e passa também a utilizar suas reservas de energia na forma de gordura.

Todo esse mecanismo de controle da ingestão de carboidratos facilita não só a perda de peso de um modo geral como também a perda de gorduras.

Já as fibras desse cogumelo estimulam o emagrecimento porque contribuem para aumentar a saciedade quando ingeridas retardando a fome e, assim, a ingestão alimentar.

Mesmo com todo esse benefício de emagrecimento, o shimeji sozinho não faz milagres. O recomendado é seguir um estilo alimentar completamente saudável e praticar atividade física regular.

2. Auxilia no ganho de massa muscular

Mesmo sendo um alimento de origem vegetal onde as proteínas não possuem um alto valor biológico, o shimeji pode ajudar no ganho de massa muscular como um coadjuvante da alimentação por ter uma quantidade moderada de proteínas.

A alimentação prioritária para o crescimento muscular é rica em proteínas de origem animal como carnes e ovos, mas este cogumelo e todos os alimentos de origem vegetal ricos em proteínas podem ajudar nesse processo.

Além da presença das proteínas, este cogumelo atua como um coadjuvante do ganho de músculos por ser pobre em carboidratos. Por isso, pode ser consumido frequentemente por quem pratica musculação com o objetivo de hipertrofia muscular.

3. Ajuda a regular o intestino

Esse cogumelo também ajuda a regular o funcionamento do intestino por causa do seu bom conteúdo de fibras.

As fibras contribuem para estimular os movimentos intestinais e para a formação do bolo fecal. Isso melhora a evacuação combatendo e prevenindo a constipação (prisão de ventre).

4. Fortalece os ossos

O shimeji auxilia no fortalecimento dos ossos porque contém ergosterol, um precursor da vitamina D.

A vitamina D é importante para o fortalecimento e a saúde dos ossos porque ajuda na fixação do cálcio nos ossos contribuindo para a prevenção de doenças ósseas como a osteoporose.

5. Ajuda na saúde cardiovascular

O shimeji é um aliado do coração por causa de dois fatores: da alta quantidade de potássio e da boa quantidade de fibras presente nesse cogumelo.

O potássio age diretamente sobre o sódio, nutriente que, em grandes quantidades no organismo, aumenta a pressão arterial. Quando o potássio age sobre o sódio, ele relaxa os vasos sanguíneos causando a redução da pressão interna desses vasos, ou seja, a pressão arterial.

Já as fibras ajudam a controlar a absorção de carboidratos e gorduras no intestino. Isso contribui para regular os níveis de glicose e colesterol, principalmente o colesterol ruim, que pode interferir na pressão arterial.

Leia também => Cogumelo Shiitake – O que é, propriedades e benefícios para saúde

Como armazenar

O shimeji fresco pode ser armazenado na geladeira em saco plástico alimentar. Dessa forma, podem durar até 1 semana. Não precisa ser lavado nem para armazenar e nem para preparar.

Como preparar

O preparo tradicional do shimeji é feito na manteiga. Porém, você também pode fazer no azeite ou outro óleo de sua preferência. Este cogumelo preparado dessa forma pode ser consumido assim ou pode ser utilizado em outras receitas.

Para o seu preparo, ensinaremos como fazer no azeite de oliva. Para isso, você vai precisar de 200 g de shimeji, azeite e oliva extravirgem a gosto para refogar, cebolinha picada a gosto e sal e pimenta do reino a gosto.

Comece separando o ramo do cogumelo para que fique em unidades. Em uma panela no fogo, coloque o azeite. Deixe esquentar um pouco, acrescente o cogumelo e deixe refogando um pouco.

Após, acrescente o sal e a cebolinha e deixe refogar sempre mexendo de vez em quando. Deixe refogar até que o cogumelo murche um pouco. A receita tradicional leva molho shoyu, se desejar, pode colocar um pouco do molho shoyu light.

4 receitas saudáveis com shimeji

Strogonoff de shimeji

Receita 1: Strogonoff de shimeji

Ingredientes

  • 300 g de shimeji fresco
  • 1 caixinha de creme de leite light
  • 1 colher de sopa de manteiga light
  • 3 colheres de sopa de molho de tomate
  • Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de preparo
Comece separando o cogumelo em unidades. Em uma panela coloque a manteiga e acrescente o cogumelo. Mexa até que ele murche um pouco. Acrescente o molho de tomate e tampe a panela.
Deixe refogando por uns 5 minutos em fogo baixo. Adicione o creme de leite aos poucos e vá misturando. Finalize com o sal e a pimenta do reino e misture novamente.

Receita 2: Risoto de shimeji

Ingredientes

  • 250 g de arroz arbóreo
  • 250 g de shimeji preparado na manteiga ou azeite extravirgem
  • 500 ml de caldo de carne ou legumes caseiro
  • 2 colheres de sopa de creme de leite light
  • Salsinha e cebolinha a gosto picadas
  • Queijo mussarela light ralado a gosto
  • Sal a gosto

Modo de preparo
Em uma panela no fogo coloque o caldo e acrescente o arroz. Mexa o arroz de vez quando. Quando o arroz já estiver um pouco seco, acrescente o cogumelo preparado no azeite ou manteiga e misture tudo. Adicione o creme de leite e vá misturando lentamente.  Adicione o sal, a salsinha e a cebolinha e, por último, o queijo ralado.

Leia também => Culinária japonesa – O que comer e o que evitar para quem está de dieta

Receita 3: Macarrão com shimeji na manteiga

Ingredientes

  • ½ pacote de macarrão integral
  • 1 xícara de chá de shimeji preparado na manteiga light ou azeite extravirgem
  • 1 colher de sopa de requeijão light
  • Queijo mussarela light a gosto ralado

Modo de preparo
Para o preparo do macarrão, coloque o macarrão em uma panela com água no fogo já fervendo. Adicione 1 fio de azeite e 1 pitada de sal. Deixe cozinhar e depois escorra a água. Em um recipiente, coloque o macarrão. Acrescente o cogumelo, o requeijão e misture. Por último, salpique o queijo ralado por cima.

Receita 4: Salada com shimeji

Ingredientes

  • 100 g de shimeji preparado na manteiga ou azeite
  • ½ ramo de alface
  • Folhas de agrião a gosto
  • Tomates cereja a gosto
  • Pimenta do reino a gosto
  • Azeite de oliva extravirgem para regar ou molho de sua preferência

Modo de preparo
Em um recipiente coloque as folhas de alface, as folhas de agrião e o tomate cereja cortado ou inteiro. Acrescente a pimenta do reino e regue com o azeite ou molho. Por último, coloque o shimeji espalhando-o.

Sobre Treino Mestre

Artigos assinados pelo Treino Mestre são escritos pela nossa equipe de profissionais de Educação Física, Nutricionistas, Fisioterapeutas, Atletas e demais colaboradores ligados a saúde e ao esporte.

Leia também

10 receitas veganas para o seu cardápio do dia a dia

Aprenda a fazer deliciosas receitas veganas super rápidas de preparar, para incluir na sua dieta …

6 Receitas de waffles light com farinha integral

Aprenda como preparar rapidamente deliciosas receitas de waffles light com farinhas de trigo e de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curta-nos no Facebook!