Página Inicial » Saúde » Vitamina B6 (piridoxina): Para que serve, benefícios e fontes nos alimentos

Vitamina B6 (piridoxina): Para que serve, benefícios e fontes nos alimentos

Além de auxiliar no metabolismo das proteínas e gorduras, a vitamina B6 é uma grande aliada a saúde. Prevenindo anemia e trazendo benefícios para o cérebro.

vitamina B6 fontes e alimentos

Que as vitaminas são importantes para a nossa saúde, disso ninguém duvida. Só que são tantas que, muitas vezes, não conseguimos saber exatamente para que serve cada uma delas. Porém, uma certeza você precisa ter: elas devem estar presentes na dieta, cada uma na sua proporção ideal e de acordo com as suas necessidades. As vitaminas do complexo B são produzidas pelo nosso organismo, mas não na quantidade desejada. Por isso, precisamos complementar a nossa dieta com os alimentos certos. Entre elas, está a vitamina B6, também conhecida como piridoxina.

Quais as funções da vitamina B6 (piridoxina) no nosso corpo

Essa vitamina é multifuncional, ou seja, ela ajuda de forma geral a nossa saúde em muitos aspectos. A presença de vitamina B6 ajuda na síntese de mais anticorpos evitando doenças e infecções. Ela também te ajuda a dormir melhor porque melhora a produção de alguns hormônios relacionados ao sono.

Outra função importante está relacionada ao bom funcionamento do sistema cardiovascular. A presença de uma quantidade acima dos valores normais de homocisteína está diretamente associada a um maior risco de problemas cardíacos, especialmente com a formação de coágulos, que prejudicam e interrompem o fluxo sanguíneo. De acordo com pesquisas, a presença de homocisteína, em excesso, no organismo, pode desencadear lesão cerebral e transtornos neuropsiquiátricos.

Além desses, a homocisteína pode causar outro problema: redução da resistência óssea. A carência da vitamina B6, B9 e B12 aumenta os níveis dessa substância que interfere e prejudica a formação de ligações cruzadas para a construção de colágeno. A consequência desse fato é maior predisposição de fraturas e desenvolvimento da osteoporose nos idosos, sejam homens ou mulheres.

O papel da vitamina B6 no metabolismo

Essa é a função mais importante dessa vitamina. Ela age como uma coenzima, agilizando os processos metabólicos, elevando-os a uma temperatura ótima para que eles se iniciem. Um bom exemplo disso é quanto ao metabolismo das proteínas. A vitamina B6 consegue quebrá-las em aminoácidos para serem facilmente absorvidos pelo corpo, participando ativamente da construção muscular. Também ajuda na conversão de carboidratos em glicose, melhorando o desempenho nos treinos por disponibilizar mais energia.

Outros benefícios da vitamina B6

Prevenção e tratamento da anemia

Um estudo realizado com crianças portadoras de anemia falciforme consegui provar que, em comparação a crianças saudáveis, aquelas, tinha uma quantidade menor de vitamina B6 no organismo. De todas as crianças, com anemia falciforme, avaliadas, 77% delas estavam com a concentração sérica de piridoxina abaixo do ideal.

O TEXTO CONTINUA APÓS ESSA PUBLICIDADE!

Isso acontece porque a vitamina B6 participa da produção e maturação da hemoglobina, uma célula sanguínea da série vermelha de extrema importância. É ela a responsável por carregar oxigênio para os tecidos e também o ferro. Quando essa proteína não se desenvolve da forma adequada, ela não é capaz de levar esse mineral para o restante do corpo, promovendo o desenvolvimento da anemia.

Benéfica para o cérebro

A baixa dosagem de vitamina B6 no corpo pode provocar o aparecimento de uma doença chamada de Nevrite Periférica, uma inflamação que ocorre nos nervos causando degeneração dos mesmos. Outra importância dessa vitamina é o fato dela auxiliar na produção da bainha de mielina, uma substância de extrema importância para a condução das informações externas para serem interpretadas pelo nosso cérebro.

Leia também: Niacina (Vitamina B3): Saiba para que serve e quais seus benefícios

Ajuda na depressão

É muito comum que alguns sintomas tipicamente depressivos apareçam nas mulheres. Principalmente nos períodos da TPM e também da menopausa. A ingestão de vitamina B6 pode ajudar a controlar isso devido ao fato dela ajudar a liberar uma maior quantidade de serotonina. Esse hormônio age diretamente sobre diversas funções do corpo como o sono, a temperatura corpórea, humor, controla o apetite e outros.

Deficiência de vitamina B6

Bom, de acordo com os benefícios que essa vitamina oferece a nossa saúde, não é difícil perceber que a sua falta pode causar diversos transtornos. Uma quantidade menor que a ideal pode desencadear anemia, problemas de pele, no sistema nervoso (formigamento em extremidades pode ser um sintoma) e cardíaco. Durante a gravidez é de suma importância que a gestante tenha uma dieta adequada dessa vitamina já que a falta dela pode prejudicar o desenvolvimento mental do recém nascido.

Vitamina B6 piridoxina

Fontes: Onde encontrar e como consumir a vitamina B6

Primeiramente, é importante destacar que suplementos não são necessários. Para saber a sua dose ideal, o melhor é que vá a um profissional da área como o nutricionista e faça uma dieta balanceada, de acordo com as suas necessidades. A suplementação de vitamina B6 pode ocorrer, mas também deve ser indicada por um profissional. Os alimentos com maior teor dessa vitamina são:

  • semente de girassol;
  • banana;
  • feijão;
  • aveia;
  • gérmen de trigo;
  • carne bovina;
  • leite;
  • aves;
  • pão integral.

Um maior cuidado nessa dose de ingestão deve ser tomada por parte dos vegetarianos que podem passar por alguma deficiência do nutriente. Ainda assim, é indicado a todos ir ao nutrólogo, pois esse médico passará exames para identificar se você está ou não com deficiência em vitamina B6.

Há uma recomendação diária dessa vitamina que é de 1,3 mg tanto para homens quanto para as mulheres até os 50 anos de idade. Acima disso, os homens devem ingerir 1,7 mg ao dia e as mulheres, 1,5 mg.

Hipervitaminose

Não é porque faz bem ao corpo que pode ingerir sem nenhum controle. O excesso de vitamina B6 no organismo também pode causar problemas bastante incômodos como insônia, dor de cabeça, náuseas e neuropatia periférica. Essa hipervitaminose pode ser facilmente provocada pelo uso de suplementos sem orientação médica.

Referências
GRAVINA-TADDEI, Claudia Felícia et al. Hiper-homocisteinemia como fator de risco para doença aterosclerótica coronariana em idosos. Arq. Bras. Cardiol., São Paulo, v. 85, n. 3, p. 166-173, set. 2005. Disponível em Scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0066-782X2005001600004&lng=pt&nrm=iso. acessos em 16 out. 2015. Dx.doi.org/10.1590/S0066-782X2005001600004.
SACHDEV, Perminder. Homocisteína e transtornos psiquiátricos. Rev. Bras. Psiquiatr., São Paulo, v. 26, n. 1, p. 50-56, mar. 2004. Disponível em Scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-44462004000100013&lng=pt&nrm=iso. acessos em 16 out. 2015. Dx.doi.org/10.1590/S1516-44462004000100013.
COUSSIRAT, Caroline et al . Vitaminas B12, B6, B9 e homocisteína e sua relação com a massa óssea em idosos. Rev. bras. geriatr. gerontol., Rio de Janeiro, v. 15, n. 3, p. 577-585, Sept. 2012. Available from Scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1809-98232012000300018&lng=en&nrm=iso. access on 16 Oct. 2015. Dx.doi.org/10.1590/S1809-98232012000300018.
MATARATZIS, Pilar S. R.; ACCIOLY, Elizabeth; PADILHA, Patrícia de C.. Deficiências de micronutrientes em crianças e adolescentes com anemia falciforme: uma revisão sistemática. Rev. Bras. Hematol. Hemoter., São Paulo, v. 32, n. 3, p. 247-256, 2010. Available from Scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-84842010000300012&lng=en&nrm=iso>. access on 16 Oct. 2015. Epub July 23, 2010. Dx.doi.org/10.1590/S1516-84842010005000078.

Sobre Calila Galvao

Leia também

Triptofano: Saiba para que serve, seus benefícios e efeitos colaterais

Além de melhorar a qualidade do sono o triptofano ajuda a reduzir o estresse e …

Leite de Magnésia faz bem para pele? ajuda emagrecer? Veja todos os seus benefícios!

O leite de magnésia ou hidróxido de magnésio é indicado principalmente para tratar da prisão …

  1. maria thereza de andrade moreira

    tomei a piridoxina e aumento minha pressão é normal que isto aconteça ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curta-nos no Facebook!