fbpx
Pesquisar

O que são Sais minerais? Funções, Tipos, Importância e Alimentos

Saiba a importância que os sais minerais tem para nossa saúde, as funções de cada elemento, deficiências e fontes nos alimentos.

Sais minerais alimentos

Os sais minerais são substâncias as quais não são produzidas pelos seres vivos. Deste modo, eles apenas são absorvidos pelo corpo a partir da ingestão de alimentos que os contenham.

Estes sais minerais, aliás, constituem numa gama muito ampla de propriedades, tais como o ferro, o cálcio, o magnésio, entre tantos outros. Cada um tem funções muito específicas e importantes no organismo.

O que são sais minerais?

Como não podem ser produzidas no corpo, os sais minerais são, então, chamados pela nomenclatura de inorgânicos. Dentro desta categoria, temos dezenas deles. De acordo com nutricionistas e médicos, no entanto, dez são os principais.

Os dez se destacam por suas funções no corpo. São o cálcio, o potássio, o ferro, o fósforo, o sódio, o iodo, o magnésio, o selênio, o zinco e o flúor. Eles estão disponíveis também na forma de suplemento, caso seja receitado por um profissional capacitado.

Funções e benefícios do sais minerais

Estes dez minerais os quais citamos são os mais importantes para o corpo. A presença deles garante o bom funcionamento de diversas áreas do organismo. Por isto mesmo, sua deficiência (assim como a sua sobrecarga), podem trazer danos ao corpo.

Por outro lado, há minerais como o boro e o alumínio que, em geral, não possuem funções específicas. No entanto, os que possuem funções e benefícios concretos e fundamentais fazem o seguinte:

Os sais minerais, em geral, garantindo o equilíbrio osmótico do organismo e compõem algumas moléculas orgânicas do corpo, bem como participam de processos nas células.

  • Auxiliam no transporte de oxigênio para o sangue (principalmente ferro, que combate a anemia);
  • O cálcio fortalece os tecidos ósseos, o que inclui também a arcada dentária;
  • Entre os sais minerais, o iodo controla os hormônios da tireoide e previne doenças;
  • Regulam a produção e equilíbrio hormonal, com minerais como o magnésio;
  • Há sais minerais que são responsáveis por gerar energia, como o potássio e o fósforo;
  • Atuam na pressão arterial e no funcionamento do sistema cardiovascular;
  • O sódio regula a quantidade de líquidos no organismo;
  • O zinco é um dos principais sais minerais na proteção do sistema imunológico;
  • Muitos dos sais minerais atuam em favor do controle da diabetes, ao evitar picos de glicose e de insulina na corrente sanguínea;
  • O flúor é aquele dos sais minerais cuja função mais é conhecida, sendo ela principalmente nos dentes, combatendo bactérias e outros males;

Boa parte deles têm função antioxidante, que auxilia na prevenção de algumas doenças, como o câncer. Esta ação antioxidante também promove a prevenção do envelhecimento precoce.

Outros minerais

Sabemos que além desses que foram citados acima, o nosso corpo precisa de outros sais minerais como:

  • o cromo,
  • o boro,
  • o cobre,
  • o manganês,
  • o enxofre,
  • o silício,
  • o vanádio,
  • o molibdênio
  • e o cloreto.

Estes não foram citados por serem necessários em quantidades muito pequenas, o que já é encontrado numa alimentação normal.

27 alimentos ricos em sais minerais

Como já foi dito, os sais minerais não são produzidos de modo natural pelo corpo. Por isto, é necessário consumir alimentos que sejam boas fontes deles, para suprir as necessidades diárias do organismo. Veja 27 principais:

1. Leite e derivados: boa fonte de sais minerais como cálcio e magnésio;

O TEXTO CONTINUA APÓS ESSA PUBLICIDADE!

2. Cereais: ricos em selênio, fósforo e cromo, de maneira geral;

3. Couve: principalmente fonte de cálcio, mas também de magnésio, que ajuda a fixá-lo no organismo;

4. Carnes em geral: boas fontes de sais minerais como fósforo, enxofre, cromo, zinco e ferro;

5. Sal de cozinha: o mais conhecido entre os alimentos ricos em sódio;

6. Algas marinhas: a outra das grandes fontes de sódio;

7. Ovos: contêm fósforo, enxofre, zinco, iodo e ferro;

8. Espinafre: o alimento do marinheiro Popeye é excelente fonte de cálcio;

9. Feijão: fonte de enxofre e de ferro;

10. Amendoim: rico em cobre, em potássio e em magnésio;

11. Brócolis: boa fonte de sais minerais, entre os quais cálcio e enxofre;

12. Banana: muito conhecida pelo alto teor de potássio;

13. Tomate: também rico em potássio, além de selênio;

14. Grãos integrais: ricos em magnésio;

15. Batata: ótima fonte de potássio;

16. Salmão: rico em iodo, zinco, entre outros;

17. Atum: assim como o salmão, é igualmente rico em iodo e zinco;

18. Água: a água que compramos e tomamos de filtros é fonte de flúor, por exemplo;

19. Nozes: ótima fonte de magnésio;

20. Repolho: contém fósforo, ferro, cálcio, potássio, sódio e enxofre;

21. Maçã: rica em magnésio;

22. Alho: este tempero contém enxofre;

23. Ervilha: possui cobre, zinco e potássio;

24. Melão: é outra fonte de potássio;

25. Milho: assim como outros cereais, contém selênio;

26. Mariscos: fonte de cromo;

27. Fígado (bife): ótima fonte de ferro.

Consumo recomendado

A quantidade recomendada de consumo destes sais minerais naturalmente é bastante variável. No entanto, uma dieta saudável é capaz de suprir naturalmente todos eles.

Em casos em que isto não acontece, ou em que haja algum distúrbio que afete a absorção e o funcionamento de algum deles, somente um médico poderá avaliar. Isto é feito através de exames, como o de sangue.

Deficiência de sais minerais

A deficiência de sais minerais é, portanto, uma realidade, ainda mais em dias atuais, em que alguns não cuidam tanto de sua alimentação. A ausência deles prejudica no funcionamento de quase todas as funções do organismo.

No caso de deficiência de sais minerais, devem começar a aparecer sintomas no corpo – que variam de acordo com o mineral em questão. Neste caso, é imperativo consultar com um profissional, que deverá recomendar condutas como a suplementação.

Leia também:

Potássio: O que é, Para que serve, Benefícios e fontes

Cloreto de magnésio PA – Benefícios, como tomar, indicações, efeitos colaterais, preço e onde comprar

Picolinato de cromo – Para que serve? Emagrece? E como tomar?

Cuidados com excesso

O excesso de sais minerais no organismo pode trazer alguns problemas também. Por exemplo, alguns atuam no equilíbrio osmótico.

Caso estejam em excesso, possuem um efeito contrário ao que se designam. Outros sais minerais estão ligados a problemas hormonais e até ao hipertireoidismo.

De modo geral, porém, isto é difícil de acontecer numa dieta balanceada. Via de regra, o que for ingerido, se for pouco a mais, deverá ser excretado pela urina ou pelas fezes.

Sobre Equipe Treino Mestre

Artigos assinados pelo Treino Mestre são escritos pela nossa equipe de profissionais de Educação Física, Nutricionistas, Fisioterapeutas, Atletas e demais colaboradores ligados a saúde e ao esporte. Conheça a equipe principal do Treino Mestre clicando aqui.

2 Comentários

  1. marcieli oliveira

    adorei esse site me ajudou mt em um trabalho

  2. Estudo nutrição e tudo sobre vitaminas sais e etc … muito menos interessa é gostei deste treino mestre

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *