Página Inicial » Saúde » Rhodiola Rosea (raiz de ouro) – Saiba o que é, quais seus benefícios e onde comprar

Rhodiola Rosea (raiz de ouro) – Saiba o que é, quais seus benefícios e onde comprar

A Rhodiola Rosea ajuda proteger o sistema cardiovascular, auxilia no tratamento de depressão, problemas de impotência e distúrbios do sono. Conheça todos os seus benefícios e contraindicações.

Rhodiola Rosea

O que é

A Rhodiola rosea, conhecida também como raiz de ouro, raiz dourada ou raiz do Ártico, é uma planta da família Crassulaceae muito presente nas regiões frias do planeta como o Ártico e as montanhas da Europa, Ásia Central e América do Norte.

É uma planta perene que não cresce muito atingindo apenas poucos centímetros de altura. É considerada uma planta fitoterápica por causa dos seus inúmeros benefícios à saúde, sendo que sua parte aproveitada para o uso medicinal são as suas raízes.

Composição

A Rhodiola rosea é composta, principalmente, por óleos essenciais, ácidos, ésteres e substâncias antioxidantes. Essas substâncias antioxidantes é que são os componentes fundamentais responsáveis pela atuação terapêutica dessa planta.

Para que serve

Há bastante tempo, a Rhodiola rosea tem sido usada pelas culturas asiática, oriental e europeia para melhorar a saúde em geral, tanto a física quanto a mental.

Benefícios

Os benefícios oferecidos pela Rhodiola rosea têm sido comprovados por vários estudos científicos. Esses benefícios ocorrem por causa da sua propriedade adaptogênica que causam diversas ações terapêuticas ajudando o organismo em situações físicas e mentais estressantes.

Com isso, essa planta promove a proteção do organismo contra meios exógenos e endógenos agressores como os radicais livres, atividade física intensa e frio excessivo. Promove, ainda, a redução do estresse e morbidades induzidas pelo estresse, adaptação do corpo em altas altitudes, entre outros.

Leia também => Ginseng, alivia o estresse e faz bem para o coração

Entre outros benefícios oferecidos por essa planta medicinal estão:

  • Reduz a fadiga e aumenta a capacidade de trabalho físico e mental, devido o aumento da produção de neurotransmissores como a serotonina, a dopamina e a endorfina;
  • Melhora os reflexos;
  • Aumenta a tolerância do corpo à hipóxia;
  • Aumenta a capacidade de trabalho, atividade e desempenho físico por causa do aumento da produção de energia, proteínas e aminoácidos;
  • Aumenta a energia, vitalidade e longevidade;
  • Auxilia no tratamento da depressão por causa do estímulo à produção dos neurotransmissores;
  • Trata distúrbios gastrointestinais;
  • Combate distúrbios do sistema nervoso;
  • Auxilia no tratamento de infecções, anemia e impotência;
  • Melhora a adaptação ao frio;
  • Reduz o estresse;
  • Melhora a capacidade mental (concentração, a memória e o aprendizado);
  • Melhora o apetite;
  • Reduz a irritabilidade;
  • Protege o sistema cardiovascular e o sistema imunológico;
  • Pode ser eficaz como coadjuvante no tratamento de doenças cancerígenas;
  • Auxilia no tratamento da hipertensão, distúrbios do sono e dores de cabeça.

Indicação

A Rhodiola rosea é indicada, principalmente, em casos de sobrecarga física ou mental excessiva, fadiga, redução do rendimento físico e mental, redução da capacidade de realizar exercícios físicos e em situações de estresse excessivo. Esses sintomas podem diminuir a qualidade de vida interferindo no desempenho físico e mental e diminuindo o rendimento das atividades físicas diárias.

Leia também => Ginkgo biloba – Para que serve, benefícios e indicações

Contraindicação

A Rhodiola rosea não deve ser ingerida por menores de 12 anos e por pessoas que sejam alérgicas aos seus componentes. Portadores de problemas renais ou hepáticos e de doenças cardíacas, além de pacientes que utilizam medicamentos para doenças cardiovasculares e distúrbios psiquiátricos não devem fazer uso dessa planta medicinal sem orientação médica.

Também é contraindicada durante a gestação e lactação, pois ainda não há comprovação científica do uso seguro dessa planta nesses casos. Apesar de ser indicada para auxiliar no tratamento de algumas doenças, o recomendado é procurar um médico para melhor avaliação da situação.

Efeitos colaterais

Através do uso normal da Rhodiola rosea, não são encontrados efeitos colaterais expressivos ou toxicidade ao organismo. Porém, em raras situações ou em casos de consumo excessivo do extrato dessa planta, foram encontrados alguns efeitos colaterais como agitação, irritabilidade, insônia, dor de cabeça e aumento dos batimentos cardíacos. Também não são conhecidas interações medicamentosas com o uso da dessa planta medicinal.

Como consumir

A Rhodiola rosea pode ser encontrada na forma de comprimidos e cápsulas, que devem ser ingeridos com água, ou na forma de soluções. Podem ser ingeridos em qualquer horário do dia.

O uso dessa planta pode ser feito por um lingo período. Para a dosagem geralmente é indicado um comprimido por dia, porém, a dosagem correta e a duração do tratamento vão depender dos sintomas individuais. O uso só deve ser indicado e acompanhado por um médico ou nutricionista.

Onde comprar

A Rhodiola rose pode ser encontrada em lojas de produtos naturais tanto na internet quanto em lojas físicas, onde vendem a raiz a granel ou em pacotes. Além de suplementos em cápsulas concentradas com a quantidade recomendada apenas com a erva ou em conjunto com outras substâncias.

Clicando no banner abaixo você terá mais informações do produto e comprar pelo melhor preço.

Leia também => A Maca peruana além de aumentar a libido, auxilia no emagrecimento e previne doenças

Recomendações

Inicie o uso do extrato dessa planta somente com orientação médica. Não consuma por conta própria ou em altas doses, pois, apesar de ser uma planta de uso medicinal muito recomendada pelo meio médico e científico, ainda sim, pode causar algum efeito indesejado ao organismo. Por isso, é sempre recomendado pedir orientação médica ou nutricional antes de iniciar o uso desse ou de qualquer fitoterápico.

Caso apareça algum efeito indesejado ou hipersensibilidade ao produto, suspenda o uso do extrato dessa planta. Caso não haja melhora de algum sintoma com o uso da Rhodiola rosea, procure um médico para verificar sua situação.

Leia também

Triptofano: Saiba para que serve, seus benefícios e efeitos colaterais

Além de melhorar a qualidade do sono o triptofano ajuda a reduzir o estresse e …

Leite de Magnésia faz bem para pele? ajuda emagrecer? Veja todos os seus benefícios!

O leite de magnésia ou hidróxido de magnésio é indicado principalmente para tratar da prisão …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curta-nos no Facebook!