Página Inicial » Saúde » Quiropraxia: O que é, indicação e tratamento

Quiropraxia: O que é, indicação e tratamento

Tire todas as dúvidas sobre o tratamento de Quiropraxia. Como funciona, seus princípios e em que casos o tratamento é indicado.

O que é Quiropraxia

Mãos habilidosas e o conhecimento são suas principais ferramentas, e seu nome – nada convencional – vem do grego, kéiros = mãos e práxis = fazer, realizar. Hoje já considerada como uma profissão pela OMS, a quiropraxia é um método de diagnosticar, prevenir e tratar conservadoramente desarmonias dos sistemas nervoso, muscular e esquelético por meio de manipulações articulares e terapias manuais, principalmente. Além dessas técnicas, ela também utiliza exercícios físicos, reeducação e técnicas posturais, orientação que é dada ao paciente sobre as posturas corretas para cada atividade de vida diária, por exemplo, e o paciente é estimulado a adquirir hábitos posturais diferentes e saudáveis em cada atividade que ele irá fazer.

quiropraxia o que e indicação e tratamento

Como surgiu a quiropraxia

Sua história começa em 1895 quando Daniel David Palmer, magnetoterapeuta canadense, avaliou um homem que havia relatado ter perdido a audição anos atrás, logo após ter sentido um estalo na coluna. Na avaliação, Palmer constatou uma proeminência na região dorsal alta (que é a torácica mais próxima da cervical) da coluna vertebral. Logo, ele deduziu que pudesse ser uma vértebra mal posicionada, e então resolveu reposiciona-la. E então, deitou o homem e usou as mãos para, em um rápido movimento, empurrar a vértebra de volta à sua posição inicial. No mesmo instante, o homem começou a ouvir alguns ruídos, e em questão de dias, sua audição estava normal novamente.

Foi aí que Palmer percebeu, não que tinha descoberto a cura para a surdez, mas que teve a capacidade de corrigir uma interferência neurológica causada por um desalinhamento vertebral. Após isso, Palmer também passou a estudar muito o assunto, e ele e seu filho foram responsáveis por organizar os protocolos e métodos de avaliação que possibilitou que a quiropraxia hoje se tornasse uma profissão.

Princípios da quiropraxia
  •  Inteligência inata: É conduzida pelo próprio sistema nervoso, sendo que, qualquer alteração no fluxo nervoso causa doenças. A inteligência inata é o poder de proporcionar a saúde. O organismo do ser humano tem um poder inato para conservar sua própria saúde ou proceder a própria cura, desde que esteja em boas condições.
  •  Sistemas nervoso: é responsável por conectar o cérebro a todos os segmentos corporais, além de regular todos os órgãos e tecidos do corpo. O sistema nervoso tem um papel muito importante na manutenção e restauração da harmonia e da função corporal adequada.
  •  Complexo de subluxação: é a interferência neurológica causada pelo desalinhamento vertebral, causando um desarranjo, ou o mau funcionamento da coluna vertebral. Esse complexo, implica em dificultar o processo de cura, obstruindo a condução de informações pelo sistema nervoso.
  • Globalidade: O corpo humano é uma unidade onde não há como dividir suas partes, pois tudo nele é interligado e todas as ações são em conjunto, sendo assim, dependentes umas das outras.
  • Estresse: outro fator que reduz a capacidade de auto-cura, o estresse é um grande vilão na regeneração celular e na capacidade de prevenção de doenças. Sobre os tipos de estresse podemos citar: o mental, que decorre também de um estresse emocional, ou exigir muito da mente, sem descanso; o químico, que decorre de má alimentação, álcool, tabagismo, excesso de uso de medicamentos, os quais alteram o funcionamento visceral; o térmico, que interfere nos mecanismos de autorregulação da temperatura corporal , podendo causar desidratação e outras patologias, impedindo a cura; e o físico, que nada mais é do que a sobrecarga esquelética e mioarticular, trazendo níveis mais elevados de alterações.

Esses tipos de estresses são principais causadores de doenças e do complexo de subluxação vertebral que dificultam a cura e o bem estar. Além desses, podemos citar mais outros, como obesidade, sedentarismo e hábito postural incorreto, entre outros, que ao longo da vida, quanto mais somados forem, mais rápido irão envelhecer a coluna vertebral, trazendo consequências precoces como dores, limitação de movimento e dificuldade nas ações do dia-a-dia.

Leia também: RPG (reeducação postural global) – além da postura

O que a quiropraxia trata?

Ela trata alterações funcionais do sistema músculo-esquelético, principalmente decorrente de estresses, excesso de uso, uso repetitivo ou incorreto do corpo, como, por exemplo, dores na coluna vertebral, hérnia de disco e dor ciática, dores e tensões musculares, dores nas articulações, lombalgias, alterações posturais com dificuldade de movimentação, cefaleia, torcicolo, cervicalgia e dorsalgia, entre outros.

Em resumo, a quiropraxia, atualmente é uma profissão ainda pouco conhecida, e por isso também não existem muitos profissionais na área. Embora tenha toda uma história e princípios reais, há poucos estudos científicos que comprovem sua eficácia, ou que seja mais eficiente que outro método conservador de tratamento, o que também impede tantos adeptos à profissão.

Sobre Jeniffer Manfrini

Fisioterapeuta formada pela Uniasselvi Fameblu, apaixonada pela incrível máquina que é o nosso corpo humano, sempre em busca de novos conhecimentos e experiências. Atua como estagiária pela faculdade e é uma futura pós-graduanda em dermato-funcional.

Leia também

Triptofano: Saiba para que serve, seus benefícios e efeitos colaterais

Além de melhorar a qualidade do sono o triptofano ajuda a reduzir o estresse e …

Leite de Magnésia faz bem para pele? ajuda emagrecer? Veja todos os seus benefícios!

O leite de magnésia ou hidróxido de magnésio é indicado principalmente para tratar da prisão …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curta-nos no Facebook!