Pesquisar

Garra do Diabo – Para que serve, indicações e como tomar

Será que a Garra do diabo emagrece? Quais seus reais benefícios? Possui contraindicações ou efeitos colaterais? Respondemos todas essas dúvidas agora!

garra do diabo para que serve indicações como tomar


PUBLICIDADE

Você pode achar que algo com o nome “garra do diabo” não deve ser coisa boa, mas é aí que você se engana!

Esta planta é utilizada para a elaboração de suplementos e medicamentos, além de poder ser consumida em forma de chá. Isso porque ela possui diversos benefícios para a nossa saúde.

Venha conhecer mais sobre ela e entenda a sua importância!

O que é garra do diabo?

A garra do diabo (Harpagophytum procumbens) é uma planta originária do continente africano.

Ela recebe esse nome porque sua fruta é coberta de pequenos “ganchos” que ficam grudados aos animais e assim conseguem ter suas sementes espalhadas.

Ela também pode ser chamada de harpago ou unha do diabo. Além de ter uma flor muito bonita (com tonalidades rosadas e amareladas), ela ficou conhecida pelo mundo por suas vantagens medicinais e especialmente pelo seu chá.

Para que serve?

As raízes da garra do diabo costumam ser utilizadas como medicamento, principalmente para dores musculares, irritações gastrointestinais, artrite, febre, gota, dor de cabeça, entre outros problemas.

Em alguns casos, ela chega a ser usada para aliviar dores durante o parto, dores menstruais, doenças renais e reações alérgicas. Também já foi utilizada para tratar machucados ou feridas na pele.

Atualmente a garra do diabo é empregada para tratar inflamações e vários tipos de dores, como a artrite, a de cabeça, nas costas, etc. Ela já é muito aplicada em tratamentos pela Europa, em particular na França e na Alemanha.

Leia também:

Carqueja – Para que serve, benefícios do chá e contraindicações

Quais são suas indicações?

A garra do diabo é mais indicada como anti-inflamatório e analgésico.

No entanto, algumas pesquisas vêm procurando comprovar que ela pode ser indicada também para equilibrar o ácido úrico, desintoxicar o fígado, reduzir o colesterol ruim, fortalecer o sistema imunológico e melhorar o sistema digestivo.

Quais são seus benefícios?

Entre os benefícios mais estudados da garra do diabo, podemos citar:

1 – Tratamento contra osteoartrite

O TEXTO CONTINUA APÓS ESSA PUBLICIDADE!

A osteoartrite (conhecida também como artrose) é um tipo de doença articular degenerativa. Ela se caracteriza pelo desgaste da cartilagem.

Alguns estudos evidenciaram que a planta pode diminuir a dor e aumentar o desempenho físico em indivíduos que sofrem com a doença. Por exemplo, um desses estudos durou 4 meses e utilizou 122 voluntários com artrose no joelho e no quadril.

Eles dividiram as pessoas em dois grupos, um consumindo a garra do diabo e outro, um remédio europeu. O grupo que utilizou a planta teve os mesmos efeitos positivos do que o outro grupo, no entanto, apresentou menos efeitos colaterais.

Em uma análise realizada sobre 14 estudos diferentes acerca da utilização da garra do diabo no tratamento contra doenças articulares, percebeu-se que a planta é capaz de reduzir as dores nas juntas.

Em outra análise realizada através de 12 estudos, foi observado que a planta conseguiu auxiliar o tratamento para a artrite na coluna, nos joelhos e nos quadris.

2 – Alívio nas dores do corpo

Certos estudos mostraram que a garra do diabo pode ajudar a melhorar dores leves e moderadas nos ombros, pescoço e costas.

Além disso, foi notado também que a planta pode aliviar a dor crônica na lombar e diminuir a necessidade do consumo de mais analgésicos.

Os efeitos da garra do diabo foram comparados com os de outros medicamentos anti-inflamatórios específicos e os pesquisadores concluíram que a planta possui os mesmos benefícios do que os remédios.

3 – Melhora no sistema digestivo

Alguns médicos (em especial os naturalistas) indicam a utilização da garra do diabo para tratar problemas digestivos, como úlceras gástricas, irritações estomacais, gota e até a perda de apetite.

A planta também já foi relacionada à redução dos níveis de açúcar no sangue, o que ajudaria no controle da diabetes. No entanto, esses benefícios ainda precisam ser mais estudados.

Leia também:

Chá de Quebra Pedra – Para que serve, benefícios, efeitos colaterais e como fazer

Como tomar?

garra do diabo cápsulas e chá

Garra do diabo em cápsula

Se você for utilizar os suplementos, o recomendado é consumir 2 cápsulas por dia. Lembrando que o ideal é consultar um profissional para que ele te auxilie na dosagem correta de acordo com suas necessidades e objetivos específicos.

Chá de raízes

Caso você prefira beber o chá das raízes da garra do diabo, o indicado é que consuma de 2 a 3 xícaras ao dia, procurando evitar o consumo à noite, pois ele possui efeitos diuréticos e podem atrapalhar seu sono.

O tempo para que os resultados comecem a aparecer depende de seus objetivos e de seu organismo. Normalmente, se for usado como anti-inflamatório ou analgésico, os efeitos positivos podem aparecer em até 3 semanas.

Contudo, se você estiver consumindo por seus benefícios contra o reumatismo ou articulações rígidas, os resultados relevantes provavelmente levarão 3 meses para aparecerem.

É dito que pessoas que consomem a garra do diabo costumam ter uma terceira idade mais confortável, graças às suas vantagens nas articulações e na imunidade, que deixa o corpo mais forte e saudável.

Quais são os efeitos colaterais?

Se você consumir a garra do diabo em exagero ou por longos períodos de tempo (ainda não se sabe ao certo como o consumo estendido funciona), poderá acabar tendo alguns efeitos colaterais, como:

  • Reações alérgicas (dificuldade de respirar, inchaço, formigamento etc);
  • Dores abdominais;
  • Perda do paladar;
  • Náuseas e vômito;
  • Dores de cabeça;
  • Barulho no ouvido;
  • Irritações estomacais.

Leia também:

Chá de Alecrim – Para que serve, benefícios, propriedades, contraindicações e como fazer

Existem contraindicações?

Caso você pertença a algum dos grupos que listamos logo abaixo, não dê início ao o uso sem antes consultar um médico:

  • Mulheres grávidas ou em fase de amamentação;
  • Pessoas com hipertensão ou problemas cardíacos;
  • Pessoas com pedra na vesícula ou úlceras estomacais;
  • Pessoas que já estão fazendo uso de algum medicamento;
  • Pessoas com hipoglicemia.

Referências:
WEGENER, T. Treatment of patients with arthrosis of hip or knee with an aqueous extract of devil’s claw (Harpagophytum procumbens DC.).. 2003. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/14669250
WARNOCK, M. Effectiveness and safety of Devil’s Claw tablets in patients with general rheumatic disorders.. 2007. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/17886223

Garra do Diabo – Para que serve, indicações e como tomar
Avalie este artigo

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Notificação de