Página Inicial » Esteroides Anabolizantes » Dianabol (Metandrostenolona): o que é, efeitos colaterais e ciclos

Dianabol (Metandrostenolona): o que é, efeitos colaterais e ciclos

Artigo informativo onde tiramos todas as dúvidas sobre o esteroide Dianabol. Quais seus efeitos colaterais e como funciona o seu ciclo com outras drogas.

Dianabol - efeitos colaterais e ciclos

Também conhecido como Metandrostenolona ou Dbol, esse esteroide anabolizante foi desenvolvido por John Ziegler e chegou em 1956 aos Estados Unidos.

Ele foi bastante utilizado por fisioculturistas para ter maior crescimento muscular, mas foi banido pela FDA, um órgão dos EUA responsável pelo controle de alimentos, suplementos, medicamentos, cosméticos e outros produtos. Porém, alguns países ainda produzem essa substância como o México, Rússia e Tailândia.

Aqui no Brasil e em outros países, a Dianabol também proibida, mas é possível encontrá-la no mercado paralelo e comprá-la de forma ilegal.

O que é a Dianabol

Ela é um dos esteroides orais de maior popularidade, mas também pode ser encontrada na forma injetável, sendo um obstáculo para quem não se sente à vontade com agulhas. Além da sua forma de administração, um fato que torna a Dianabol muito conhecida é que com pouco tempo de uso é possível ter um considerável crescimento muscular.

Um ponto negativo dessa droga é o fato de causar muita retenção hídrica, o que prejudica aqueles que desejam músculos mais definidos.

Já para aqueles que desejam apenas “aumentar de tamanho” o acúmulo de líquidos pode ser um ponto positivo. Ela é, principalmente, usada em ciclos não apenas para hipertrofia como também para aumento da força e explosão muscular.

Efeitos colaterais do Dianabol

O TEXTO CONTINUA APÓS ESSA PUBLICIDADE!

A Dianabol é bastante prejudicial para o fígado, sendo extremamente tóxico em altas doses para esse órgão tão importante. A Dianabol chegar ser mais prejudicial que outros esteroides orais 17 alpha-alquelados como Oxandrolona e Stanozolol, drogas já conhecidas por serem hepatotóxicas e que não devem ser utilizadas juntas com a Dianabol.

A Dianabol pode causar dois problemas muito visíveis: a ginecomastia, que se caracteriza pelo crescimento das mamas além do tamanho normal; o outro problema é quanto ao aparecimento da acne, principalmente para quem sofre ou já sofreu com elas.

Para tomar a droga com alguma segurança é preciso utilizá-la em conjunto com algum tipo de protetor hepático. E para reduzir os efeitos da ginecomastia, a recomendação é consumir citrato de tamoxifeno em conjunto.

Por conta da retenção hídrica, a Dianabol pode aumentar, significativamente, a pressão arterial. Assim, ela é contra indicada para pessoas portadoras da Hipertensão Arterial ou quem tenha propensão a tê-la e também para indivíduos que apresentem problemas hepáticos.

Caso seja ingerida numa dosagem com mais de 80 mg/dia, causa queda nas taxas de testosterona, FSH, GH, LH em média de 40% ou mais. A consequência disso é a queda do desejo sexual. Outros efeitos ainda podem surgir, mas que não são comuns:

  • queda de cabelo;

  • aumento do colesterol;

  • maior acúmulo de gordura localizada.

Como funciona os ciclos de Dianabol

Os primeiros atletas a utilizar esse anabolizante foram os russos durante as olimpíadas na década de 50. Os resultados foram tão bons que logo o Dianabol passou a fazer parte da vida dos praticantes de musculação. Logo quando essa droga chegou a mercado, a dosagem era cerca de 5 a 10 mg por dia.

Na década de 70, os bodybuilders utilizavam essa substância numa dosagem 5 a 6 vezes mais elevada. O Dianabol é bastante utilizada como um chute inicial para iniciar os ciclos de grande volume de massa muscular durante o bulking, um “start up” já que oferece um ganho surpreendente de massa muscular e aumento de força em pouco tempo.

Normalmente, essa droga é administrada com outros esteroides como o enantato de testosterona ( Ciclo-6 / Testoviron ), cipionato de testosterona ( Deposteron) e o decanoato de nandrolona (Deca Durabolin). Há quem use ainda a Dianabol com a Durateston, que é a combinação de 4 compostos de testosterona: (propionato, fenilpropionato, isocaproato e decanoato de testosterona).

O Dianabol permanece circulando no organismo entre 3 a 8 semanas do ciclo não sendo indicado mais tempo que isso, pois pode causar sérios problemas ao sistema hepático. Não há uma dosagem padrão para o uso desse anabolizante, o que aumenta o risco para a saúde causado pela droga.

Durante os ciclos, pode ser utilizada uma dose de 30 a 50 mg/dia com o objetivo de hidratar o plasma, favorecendo a absorção de outras drogas. Porém, a dosagem mais comum é a de 60 a 80 mg/dia quando utilizado apenas por 4 semanas.

A Dianabol costuma ser usada como substituta de outra droga muito conhecida, o Hemogenin. A semelhança entre elas estão não só nos efeitos anabólicos como também nos efeitos colaterais, já que o Hemogenin também tem alta hepatotoxicidade e de comum aparecimento de ginecomastia e acne em excesso.

Leia também: Hemogenin (Oximetolona): Todas as informações sobre este esteroide anabolizante

Lembre-se sempre que o crescimento muscular deve vir acompanhado da saúde. Existem muitas pessoas que se preocupam apenas com a parte estética, esquecendo-se do maior objetivo dos exercícios físicos: melhorar a nossa saúde e dar maior qualidade de vida, principalmente quando estamos em idade mais avançada.

A melhor forma de conseguir um corpo bonito e saudável é através de uma alimentação balanceada e de orientação profissional com qualidade.

Leia também

Stanozolol (Winstrol): Para que serve, seu ciclo, efeitos colaterais e o antes de depois

Tire todas as dúvidas a respeito do esteroide Stanozolon (Winstrol), como funciona seus ciclos (Homens …

Qual o melhor produto para TPC (Terapia Pós Ciclo)? – Melhores marcas do mercado

Nessa lista atualizada agora em 2017, você irá encontrar os melhores produtos para TPC, segundo o …

  1. Tenho interesse no Dianabol.. Entre em contato pfv

  2. Me apaixonei por Diana.

  3. Leandro Nunes saroba

    Eu já tive hepatite medicamentosa posso tomar o dianabol

  4. Tenho 15 anos..ja estou tomando dianabol faz 9 dias..tem algún problema na minha idade..??

  5. O Dianabol interfere no ciclo menstrual?

  6. Gostaria de saber se durante um ciclo de Diana + dura, preciso tomar algum medicamento anti-estrogênio ou alguma pra não causar ginecomastia coisa ou somente após o ciclo? E quais seriam os medicamentos e como quando e como tomar. Obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curta-nos no Facebook!