fbpx
Pesquisar

Cloreto de magnésio PA: Para que serve, Como tomar e 22 Benefícios

O suplemento de cloreto de magnésio P.A. tem se mostrado eficiente em alguns tratamentos, além dos benefícios que o magnésio proporciona a nossa saúde. Veja também se ele emagrece, contraindicações, efeitos colaterais, relatos e onde comprar.

cloreto de magnésio P.A

O cloreto de magnésio é um mineral presente naturalmente em nosso corpo (apenas o magnésio).

É um dos mais importantes componentes do organismo. Sem ele, seria impossível que pudéssemos viver.

Algumas das funções mais importantes do nosso sistema nervoso e do metabolismo são atribuídas ao cloreto de magnésio.

Para que serve o cloreto de magnésio P.A?

 O cloreto de magnésio serve para repor as quantidades de magnésio em falta no organismo. O cloreto de magnésio PA é, na verdade, um suplemento. O que está presente no organismo em sua forma natural é o magnésio.

Existem muitos fatores que diminuem a quantidade de magnésio presente no organismo, dentre eles, a maioria por descuido da alimentação ou pela aquisição de hábitos não saudáveis como o alcoolismo, o tabagismo, a má alimentação, o descuido com o tratamento do Diabetes, etc.

Alguns outros problemas de saúde como pressão alta, refluxo e gastrite também podem levar a uma diminuição dos níveis de magnésio no organismo.

Ele é extremamente importante para o corpo, e sem ele muitas funções se tornaram deficientes, como funcionamento celular, do sistema nervoso, do miocárdio e da musculatura.

Qual a diferença entre cloreto de magnésio e cloreto de magnésio P.A ?

Algumas pessoas ficam na dúvida entre comprar um outro, mas antes disso, saiba o que é esse suplemento mineral.

Basicamente, funciona como qualquer outro suplemento que contém magnésio, com o objetivo de suprir essa falta no organismo.

Então a diferença é que este suplemento é muito mais concentrada por ser 100% puro e portanto de alta qualidade.

Sabemos que consumir magnésio no Brasil é difícil por ser um mineral empobrecido no solo brasileiro e 95% das pessoas não consomem alimentos ricos em magnésio.

Sabe o que isso gera ? Continue lendo, que no decorrer deste artigo você vai descobrir as consequências.

O TEXTO CONTINUA APÓS ESSA PUBLICIDADE!

Mas antes quero te contar rapidamente o que ele pode trazer de bom no seu cotidiano.

Sabe aquele cansaço que sua amiga ou amigo do trabalho não tem e você pensa que é por causa da idade ?

Mas se surpreende quando vê uma pessoa acima de 50 anos com mais energia que um jovem de 25 anos ?

Então você acaba de descobrir mais uma vantagem do magnésio : gerar energia física e mental !

Pois a fadiga não se limita apenas aos músculos, mas ao cérebro também !

Se você está com a mente esgotada, não consegue ter paciência para absolutamente nada, se esforça em triplo para entender algum livro por exemplo.

Será que isso está acontecendo com você ?

Talvez seja o momento para avaliar o nível de consumo de magnésio, sendo muito recomendado o suplemento com a sigla PA, pois sinaliza Puro para Análise e significa que é um suplemento que retém com muita facilidade pelo organismo ou seja, muito bem aproveitado.

Funções e benefícios do cloreto de magnésio PA

Uma das funções do cloreto de magnésio é produzir mais ácido clorídrico, que fica armazenado no estômago.

Quando ele está em falta, muitos nutrientes provenientes da alimentação acabam sendo excretados automaticamente, não sendo absorvidos pelo corpo.

Veja agora seus benefícios:

1- Coração

O magnésio também é responsável por melhorar o fluxo sanguíneo, garantindo a retenção de líquido no sangue e diminuindo a pressão quando ela está muito alta. O cloreto de magnésio é recomendado para quem sofre de hipertensão.

O cloreto de magnésio também é responsável por prevenir doenças do coração, como o infarto.

É também recomendado para dissolver as pedras formadas nos rins, já que o cloreto de magnésio possui substâncias que degradam o acúmulo de oxalato de cálcio, responsável pela formação das pedras.

2- Cansaço

Se você passa a maior parte do tempo se sentindo cansado e indisposto, pode ser falta de magnésio no corpo. O cloreto de magnésio também ajuda a tirar essa sensação de cansaço crônico do organismo.

3- Tabagismo e alcoolismo

O cloreto de magnésio também é responsável por “limpar” o fígado de quem consome muito álcool ou fuma.

Como ele também é componente importante do sistema nervoso é um remédio natural para prevenir o estresse, depressão e a ansiedade.

4- Dores e inflamações nas articulações e nervos

O cloreto de magnésio P.A tem se mostrado um excelente aliado no tratamento (diminuição das dores) de hérnia de disco (dor ciática), tendinites, artrite, artrose, osteoartrite e reumatismo. Também em dores na coluna e nas articulações de joelhos e ombros.

5- Você sofre de cólicas menstruais e crises da TMP ?

Por que algumas mulheres tendem a ter mais cólicas menstruais que outras ?

Porque em alguns casos, pode estar ligado à ausência de magnésio que facilita na regulação dos hormônios e ameniza dores.

6- Sofre de intestino preso ?

Por apresentar uma ação laxante e auxiliar no relaxamento intestinal, o cloreto de magnésio reduz esse quadro desconfortável.

Ideal para quem pratica dietas com baixo carboidrato.

7- Por que esse mineral pode acabar com sua insônia ?

Ajuda no relaxamento e melhora na qualidade de sono, evitando noites mal dormidas.

Você anda com falhas de memória ou dificuldade de reter novos aprendizados ?

Para evitar morte das células e doenças degenerativas, o magnésio é excelente para estimular a memória e aprendizagem.

Com esse mineral, seu cérebro trabalha com mais produtividade, pois aumenta a elasticidade e melhora as conexões neurais.

Além disso, o cloreto de magnésio P.A ainda pode ajudar a:

  • Melhorar de forma significativa a digestão através da produção de ácidos estomacais;
  • Purificação  do sangue;
  • Previne câimbras;
  • Reduz muito o quadro de enxaqueca;
  • Excelente para reduzir sintomas de asma;
  • Ajuda a diminuir o quadro depressivo e de ansiedade aguda;
  • Fortalece ossos e é ótimo contra a osteoporose;
  • Evita problemas renais;
  • Elimina problemas relacionados à próstata;
  • Favorece o rejuvenescimento com radicais livres;
  • Reduzir o risco de Diabetes, aumentando a sensibilidade à insulina das células;
  • Reduz as contrações em gestantes, o que diminui a chance de uma criança nascer prematura;
  • Diminui o colesterol ruim;
  • Problemas de stress;
  • Previne o corpo contra a formação de diferentes tipos de câncer.

Leia também:

Magnésio: O que é, Para serve, 7 Benefícios e Fontes

Magnésio Dimalato : Aumenta a Energia!

Cloreto de magnésio pode ajudar a emagrecer?

O cloreto de magnésio ajuda a emagrecer sim, mas não porque atua bioquimicamente na queima de gordura, e sim porque diminui a ansiedade e o cansaço físico.

Ao diminuir a ansiedade, o cloreto de magnésio também aumenta a saciedade, fazendo a pessoa sentir menos fome ao longo do dia. Pessoas com ansiedade geralmente acabam comendo mais. E em geral, alimentos mais ricos em gorduras e açúcar.

Apesar de o cloreto de magnésio ajudar a emagrecer, é importante que antes você procure um nutricionista para saber se não há restrições. Abaixo, seguem as contraindicações.

Tem contraindicação ?

Embora o magnésio pode ser benéfico para os bebês e à gestante, pode gerar sérios riscos durante a gravidez.

Portanto deve consultar um médico antes e jamais tomar por conta própria caso esteja grávida.

O cloreto de magnésio PA não de ser consumido por pacientes com problemas renais e cardíacos também.

Indicações

O cloreto de magnésio é indicado por quem sofre de insonia, dores articulares, cansaço crônico, ansiedade e depressão, Diabetes e outras doenças.

É recomendado também para quem possui uma rotina mais agitada e não tem tempo de preparar refeições completas que possam suprir naturalmente a quantidade de magnésio.

Como tomar? Qual a quantidade recomenda de cloreto de magnésio P.A?

Você poderá encontrar o cloreto de magnésio P.A tanto líquido quanto em cápsulas ou tabletes.

Caso você compre a barra de cloreto de magnésio, poderá misturar na água você mesmo.

Nesse caso, use 30 gramas de magnésio para um litro de água. Basta misturar o magnésio.

Evite usar colheres de alumínio, já que elas podem soltar resquícios do metal. Use uma colher de madeira, de preferência.

É importante também que você ferva a água antes e deixe-a esfriar para então fazer a mistura.

Ao ferver a água, você elimina impurezas, bactérias e também alguns componentes da água potável.

Suplemento em cápsulas

Instituições nacionais e internacionais de saúde recomendam uma dose diária 300mg de cloreto de magnésio.

A quantidade diária depende também das suas necessidades, idade e objetivos e principalmente a indicações de um profissional da saúde.

Para adultos, o comum é ingerir uma dose de até 350 mg por dia. Isso dá algo em torno de duas colheres de chá do produto.

Para crianças e adultos com menos de 30 anos, o recomendado é que essa quantidade seja diminuída pela metade, para não exceder o recomendado por dia.

O preço vai depender muito do fabricante, e qual versão está sendo vendida (cápsulas ou em pó) e quantidade.

Relatos sobre os resultados

Preço e onde comprar

Você pode comprar o cloreto de magnésio P.A em lojas físicas e virtuais de suplementos alimentares, como também em farmácias.

Algumas lojas pesquisadas na internet, nos retornou que a embalagem de 60 cápsulas com 300mg ou 500mg cada cápsula, tem seu preço em torno de R$25,00.

Compre pelo menor preço em uma loja de confiança e nossa parceira há muitos anos, clique no botão abaixo:

Efeitos colaterais

O cloreto de magnésio pode causar alguns efeitos colaterais se consumido em excesso.

Dor na região do abdômen, diarreia e enjoo são alguns dos efeitos.

Quando a quantidade diária é excedida, o cloreto de magnésio pode causar um acúmulo grande de magnésio que pode levar a complicações graves, como o comprometimento da função dos rins, que podem inclusive parar de funcionar.

Veja os principais efeitos colaterais:

  • Ritmo acelerado dos batimentos cardíacos
  • Problemas renais
  • Dificuldade de respirar
  • Confusão mental
  • Tonturas e alergias
  • Inchaços labiais, na face e garganta e língua
  • Fortes tonturas

Fontes nos alimentos. Como enriquecer a dieta com o magnésio?

Uma alternativa ao cloreto de magnésio é aumentar a quantidade de alimentos ricos em magnésio à sua dieta.

É muito importante que mesmo sem consumir o suplemento você se alimente com alimentos ricos no mineral, já que uma de suas principais funções é contrair a musculatura.

Abaixo, segue uma lista com seis alimentos ricos em magnésio que podem melhorar o funcionamento do seu organismo como um todo:

1. Espinafre:

A cada 200g da verdura, é possível ingerir aproximadamente 160 mg de magnésio. Dê preferência a ela crua, pois alguns nutrientes e vitaminas não são perdidos no processo de cozimento.

2. Cavala:

A cavala, ou cavalinha, é um peixe semelhante à sardinha. Cada 200g de cavalinha equivalem a quase 200 mg de magnésio. Experimente fazer cozida ou refogada, evitando a fritura.

3. Banana:

A banana é fonte de magnésio, sendo que a cada 200g da fruta é possível ingerir 54 mg de magnésio. Ela é excelente para casos de câimbra.

4. Chocolate amargo:

Eis uma notícia de que todos vão gostar! Chocolate amargo é uma excelente fonte de magnésio.

Ele é um dos alimentos que mais contém o mineral. Em uma porção de 200g (uma barra), é possível ingerir até 700 mg de magnésio. Mas é claro que você não irá comer uma barra inteira! Coma o chocolate amargo com moderação!

5. Amêndoa:

200g de amêndoa podem oferecer até 160 mg de magnésio. Outras oleaginosas como a noz, o amendoim e a castanha também contêm quantidades significativas de magnésio, além de fornecerem gorduras muito importantes para o bom funcionamento do sistema nervoso.

6. Castanha de caju:

Outra oleaginosa rica em magnésio. Uma porção de 200g da castanha de caju oferece até 500 mg de magnésio. É uma excelente opção de tira gosto.

Procure a castanha em mercados públicos, onde o preço é geralmente um pouco menor (ela costuma ser cara em mercados comuns).

O ideal é que no momento do preparo de alguns alimentos como a alcachofra, espinafre ou couve, ou alguns legumes que precisem ser fatiados, não haja muitos cortes.

Evite também tirar a casca dos alimentos, pois é ali que se concentram as maiores quantidades de vitaminas.

Outra dica é que, caso você acabe cozinhando as verduras ao invés de comê-las cruas na salada, evite ferver em água ou cozinhar a um ponto em que elas quase se dissolvam.

Coloque de três a quatro dedos de água em uma panela e cozinhe os legumes e verduras no próprio vapor.

Isso irá garantir que eles fiquem com uma textura agradável e ao mesmo tempo conservem suas vitaminas e minerais, como o magnésio.

Lembre-se que o excesso de magnésio pode causar os efeitos contrários no seu organismo.

Tenha uma dieta rica e equilibrada, mas nunca em exagero. Não se esqueça de sempre manter uma rotina de exercícios físicos também.

Sobre Equipe Treino Mestre

Artigos assinados pelo Treino Mestre são escritos pela nossa equipe de profissionais de Educação Física, Nutricionistas, Fisioterapeutas, Atletas e demais colaboradores ligados a saúde e ao esporte. Conheça a equipe principal do Treino Mestre clicando aqui.

25 Comentários

  1. Rosângela Brito Martinez

    Estou tomando magnésio bisglicinato de 1000 mg cada cápsulas,no meu entender não é só de magnésio acho muito p uma cápsula, tirem minha dúvida , é da marca conlife ,ou será que é uma quantidade exagerada?

  2. Estou tomando em capsulas pa. 300 mg goataria de saber quantas vezes ao dia devo tomar?

  3. Antonio Faria carvalho

    Estou fazendo quimioterapia.tem alguma restrição?

  4. Vânia Maria Ferreira dos Santos

    Boa tarde,tenho artrose na cabeça do fêmur, já operei o fêmur direito, agora estou sentindo muita dor no fêmur. Esquerdo, vou começar a Tomar hj mesmo.

  5. gostaria de saber qual melhor horario para tomar as capsulas. pode ser apos as refeicoes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *